Connect with us

Destaque

Coma mais, emagreça mais

Published

on

Dentro do seu corpo, uma guerra está sendo travada entre as células que constroem músculos e aquelas que criam gordura. Como ter certeza de que os músculos irão vencer a batalha? Seguindo estas cinco estratégias, você vai perder peso e ficar esbelta — sem o estômago

Comerei o que der em árvores

Ou em arbustos, espigas e parreiras. Sua meta é encher o corpo com tantos detonadores de gordura quanto for possível. As melhores fontes são frutas e vegetais — e oleaginosas, é claro. Um estudo da Universidade da Califórnia, em Los Angeles, nos EUA, descobriu que uma típica pessoa com peso normal ingere cerca de duas porções de frutas por dia, enquanto aquela com sobrepeso consome apenas uma por dia. Outro estudo revelou que comer frutas no início das refeições reduz em 15% a ingestão geral de calorias. Comer o que vem da natureza também dará a você mais ácidos graxos ômega 3, que ajudam a combater a gordura abdominal. Algumas grandes fontes de ômega 3 são nozes e sementes de linhaça.

Aposte nas cinco porções diárias
Podem ser frutas, legumes e verduras, distribuídos nas refeições e lanches, sugere Maria Galdini, nutricionista da consultoria RG Nutri, em São Paulo. “Lembre-se de que uma porção de frutas equivale a uma maçã, duas ameixas, meio mamão papaia, uma fatia grossa de abacaxi ou uma fatia de mamão formosa”, diz ela. Já a porção de vegetais é contada diferente. “Equivale a 3 colheres (sopa) de legumes (abobrinhas, vagem ou cenoura, por exemplo) ou a um prato pequeno de verduras (folhas verdes, tomate e cebola, por exemplo).

Truque para afinar
Coma primeiro os alimentos ricos em fibras. Você consumirá menos calorias e as fibras ajudarão a diminuir as oscilações de glicose que desencadeiam a fome.

Comerei proteínas em todas as refeições e lanches

O crescimento muscular é disparado por alimentos ricos em proteínas. Cada vez que você ingere de 10 a 15 g do nutriente, estimula uma explosão de síntese proteica que ajuda na construção da musculatura. Quando a ingestão é de 30 g, esse trabalho dura cerca de 3 horas. “Muita gente costuma comer um pão com manteiga e 1 xícara de café pela manhã, esquecendo de incluir proteínas na primeira refeição do dia”, diz Maria Galdini. Saiba que 25% das calorias que você irá ingerir ao longo do dia devem estar no café da manhã, o qual deve conter 30% de proteínas. “Na prática, é mais ou menos o equivalente a ingerir um iogurte com queijo branco ou 1 copo de leite e um pão com requeijão ou ainda um pão com queijo e duas fatias de presunto.” Em um estudo, pessoas que começaram o dia fazendo uma refeição com ovos perderam 65% mais peso do que aquelas que ingeriram pãezinhos.

Proteína na medida certa
Tente ingerir 0,8 g de proteína para cada quilo do seu peso. “Assim, se você tem 70 kg, deverá consumir 56 g do nutriente por dia, espalhadas pelas refeições e lanches”, aconselha Maria Galdini. Não precisa contar os miligramas — para ter certeza de que vai ingerir a quantidade ideal, a nutricionista recomenda distribuir, sem neuras, o nutriente ao longo do dia. “É importante sempre lembrar de comer queijo e leite, ou um iogurte e uma fatia de peito de peru, no café da manhã. No almoço, pode se servir de uma fatia de frango, de carne vermelha ou de peixe. E, na hora do lanche, recorra a um iogurte ou a um sanduíche com presunto ou peito de peru.”

Truque para afinar
Coma mais derivados de leite (iogurtes e queijos). Estudos mostraram que pessoas que consumiram três porções por dia são 60% menos propensas a ter sobrepeso em relação àquelas que ingeriram um número menor de porções.

Comerei antes e depois dos exercícios
Se você adora comer, aqui vai uma boa notícia: provavelmente terá de comer mais. Fazer um lanche com proteína e carboidratos pouco antes da atividade física e outro logo depois acelera o crescimento e a recuperação dos músculos. Além disso, abastecer o estômago pode limitar os efeitos do cortisol, o hormônio do stress responsável por mandar o corpo armazenar gordura. Em consequência, você queima mais gordura enquanto está se exercitando e nas 24 horas seguintes.

Dupla infalível
Faça um lanche com 30 g de carboidratos e um pouco de proteína antes de malhar (duas fatias de pão com requeijão, por exemplo). Isso dará energia para o corpo. “Se a meta é perder peso, não se pode exagerar nos carboidratos antes, senão a atividade servirá apenas para queimar o que se comeu”, explica Maria.

Truque para afinar
Tomar smoothie ou iogurte depois da malhação é uma maneira rápida e fácil de ganhar um reforço de proteínas.

Serei uma expert em salada

Saladas fornecem nutrientes extremamente importantes que ajudam a perder peso. Um exemplo perfeito é o folato, vitamina do complexo B encontrada em vegetais verdes folhosos. Um estudo revelou que pessoas em dieta que ingeriram mais folato perderam 8,5 vezes mais peso que aquelas que consumiram menos quantidade da vitamina.

Embarque na onda verde
Além de comer salada, adicione espinafre a quiches e omeletes. Faça refogados. Recheie sanduíches com alface, rúcula ou agrião.

Truque para afinar
Use cártamo (também chamado de açafrão-bastardo) como tempero. Ele contém ácido linoleico, que pode prevenir o armazenamento de gordura.

Nunca tomarei o pior café da manhã do mundo

Não estamos falando de pizza dormida — é não tomar café da manhã nenhum. Quando acorda, seu corpo está sem combustível. E ficar sem comer vai desacelerar o metabolismo e deixar seus músculos famintos. Você acabará consumindo a maior parte das calorias no fim do dia. E pular regularmente o café da manhã aumenta em 450% o risco de obesidade

Abasteça bem pela manhã
Coma de 25% das suas calorias diárias de manhã. Combine proteínas com grãos integrais, frutas, vegetais e gorduras saudáveis. Se você não tem tempo nem apetite para uma grande refeição, faça duas menores — sirva-se de 1 copo de leite acompanhado de pão e queijo ou de uma tigela de cereais e leve uma fruta ou iogurte para o trabalho.

Truque para afinar
Seu interesse em comer pela manhã é absolutamente zero? Pelo menos, tome 1 copo de leite desnatado — isso dará a você cerca de 6 g de proteína mais cálcio, mineral que ajuda a queimar gordura.

Queime, baby, queime!

Seu corpo já é uma máquina de queimar gordura. Tudo o que você precisa fazer é esquentar a fornalha para tostar ainda mais massa gorda.

Não fique faminta: restringir a comida mata o metabolismo.

Ligue o motor cedo: pessoas que dormem menos e que estão sob mais stress podem ter mais gordura. visceral (abdominal), o que interfere no metabolismo. Opte por orgânicos

  • Sempre que possível: pesticidas podem entravar o processo de combustão.
  • Levante-se: interromper longos períodos de inatividade acelera a queima de gordura.
  • Mantenha-se fresca: beber 6 xícaras de água fria por dia aumenta em 50 calorias diárias o gasto energético enquanto você está em repouso. (Isso faz sentido!)
  • Fique temperada: a capsaicina, componente encontrado na pimenta, acende seu metabolismo.
  • Beba café ou chá: a cafeína pode impulsionar seu metabolismo.
  • Combata a gordura com fibras: elas aumentam a queima de gordura em 30%. Tente ingerir 25 g de fibras por dia.
  • Coma alimentos ricos em ferro: a função dele é essencialmente levar oxigênio para que seus músculos possam queimar gordura.

Fonte: revistawomenshealth.abril.com.br

Foto: Corpo ideal Suplementos

Comments

comments

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Destaque

Bailarina diz que dança pode ajudar o Brasil a ganhar auto-confiança para vencer na Copa do mundo 2018

Published

on

By

Nanny Azevedo sugere a dança como uma solução pra que os jogadores da seleção ganhem auto-confiança para uma melhor atuação em camp nos jogos da Copa do Mundo 2018 na Russia.
O Brasil estreou na Copa do Mundo 2018 um tanto quanto nervoso, apreensivo. Não vimos a seleção jogar bonito, o tal do “futebol arte” em campo no jogo contra a Suíça, e sim uma sucessão de tropeços. Nossos jogadores estavam descompassados, desalinhados, um passo atrás.
Que a seleção está sofrendo pressão de todos os lados, isso é fato. Mas o que poderia ajudar os jogadores a ganharem auto-confiança e entrarem seguros e relaxados em campo? A resposta pode ser algo inusitado: a dança.

Foto: MF Press Global

A bailarina do quadro Ding Dong do Domingão do Faustão, Nanny Azevedo, propôs em tom de brincadeira, mas com certa propriedade, uma solução para uma atuação com mais presença, atitude e confiança da seleção brasileira em campo, comparando nossos jogadores com a seleção de Rúgbi da Nova Zelândia: dançar.
A ‘haka’, dança tribal maori que virou símbolo dos All Blacks, a equipe de rúgbi neozelandesa, é tradicional realizada há mais de 100 anos no começo de suas partidas, que virou uma marca registrada, alegadamente alivia a tensão e dá aos jogadores energia e confiança para vencer as partidas. Pode funcionar pra Neymar e cia? Tomara.
De acordo com o historiador Jock Phillips, da Universidade de Wellington, a Nova Zelândia sempre teve uma certa insegurança sobre seu lugar no mundo, e essa dança deu a eles auto-confiança para conquistar seu lugar. Para Nanny, ainda que em tom de brincadeira, essa estratégia, quem sabe, pode funcionar para o Brasil tímido e inseguro que vimos em campo no domingo passado: “O time de rúgbi da Nova Zelândia é famoso por usar a dança para atrair boas energias, relaxar e trazer gana, vontade para a partida. Quem sabe o Brasil não precisa disso. Eles estavam muito tensos. Vai uma dança para dar uma relaxada antes do jogo”.
Parece que quem dança seus males espanta. Fica a sugestão pra levantar a moral da seleção brasileira.

Comments

comments

Clique para Ler

Destaque

Kelly Key mostra resultados de cirurgias e comemora: “Muita diferença”

Published

on

By

Quinze dias após passar pelos procedimentos estéticos, a cantora finalmente exibiu o corpo em um vídeo postado no YouTube

Kelly Key deixou os fãs de queixo caído ao postar um vídeo em seu canal no YouTube nesta quarta-feira (20/6). A cantora, que fez rinoplastia, lipo nas costas e implantou nova prótese nos seios, mostrou os resultados das cirurgias plásticas e comemorou.

“Agora vocês estão me vendo com 15 dias de cirurgia”, explicou a artista de 35 anos. “O segundo, terceiro e quarto dias são os piores. Parece que você não vai ficar bem nunca”, emendou.

Kelly não se conteve ao mostrar a rinoplastia, procedimento que a agradou por completo. “Muita diferença. Maravilhoso, trabalho lindo. As pessoas diziam que eu não tinha o que fazer, mas eu tinha um osso largo. Está mais ao meu gosto”, disse ela.

Logo depois, a esposa de Mico Freitas exibiu os seios novos, toda orgulhosa. “Esse colo que não tenho há muito tempo. É uma coisa linda. Estava precisando. O principal objetivo da cirurgia era colocar o meu seio no lugar. Por isso que me submeti ao procedimento. Tá incrível, do jeito que eu esperava”, afirmou Kelly Key.

Comments

comments

Clique para Ler

Destaque

Antes e depois: Graci Lacerda posta imagem de 20 anos atrás

Published

on

By

Para quem ainda não sabe, eu comecei a malhar com 16 anos e apenas com três anos comecei a ver os resultados

Graciele Lacerda é adepta inveterada e confessa da malhação. A jornalista, namorada de Zezé di Camargo, sempre posta fotos nas redes sociais, indo e vindo da academia. Nesta terça-feira (28), ela postou uma foto de quando tinha 16 anos, época em qua começou a malhar. “Para quem ainda não sabe, eu comecei a malhar com 16 anos e apenas com três anos comecei a ver os resultados”´, contou a jornalista.

De tanto gosto que tomou pela academia, a jornalista chegou a ingressar na faculdade de Educação Física e chegou a dar aulas por seis anos. “Até os meus 30 anos eu malhava para comer, meu metabolismo era ótimo, acelerado, e isso me ajudava muito. Mas com 31 anos comecei a sentir o peso da idade, já não conseguia obter resultado malhando e comendo de tudo”, continuou Graci, que procurou a ajuda de uma nutricionista para conseguir reverter o problema.

“Claro que sempre dou uma fugida na dieta porque amo comer e tenho vida social. Não sou neurótica na alimentação, mas sou viciada em academia e isso já me ajuda bastante. Apesar de sempre ter malhado, hoje com 36 anos, consigo manter o meu corpo do jeito que quero, mais sequinha e mais definido”, revelou a jornalista.

Comments

comments

Clique para Ler

Advertisement

Facebook


Mais Acessados