whey protein
Academia

De sedentária a musa fitness: a trajetória de Bella Falconi

Antes de se tornar referência de um corpo esculpido e estilo de vida saudável, Bella levava uma rotina cheia de maus hábitos

Dá para acreditar que a musa inspiradora fitness já foi absolutamente sedentária? “Uma das minhas grandes frustrações foi não ter praticado esporte. Nem torcer eu torcia. Minha mãe nunca incentivou, trabalhava muito”, conta Bella, que nasceu em Uberlândia, no interior de Minas Gerais, mas foi criada em Belo Horizonte. No fim da adolescência, escolheu a faculdade por eliminação. “Sabia que não queria nada de exatas, ainda não tinha me interessado pela área de saúde… Fiz direito.”

Mas, aos 21 anos, já tinha certeza de que não trabalharia com isso – e largou tudo no 8º semestre para estudar nos Estados Unidos. “Até me estabelecer, trabalhei em padaria, como taxista… Foi quando comecei a estagiar no Banco do Brasil, em Orlando. Chegava cedo, ia embora tarde, queria mostrar serviço. Com gana de crescer profissionalmente, mal tomava café da manhã, trocava o almoço por um lanche, comia hambúrguer com refrigerante… Em dois anos, não tinha energia para nada, vivia com dor de cabeça, meu colesterol estava alto, tive pedras nos rins. Era uma falsa magra, flácida e cheia de celulite. Além de afetar a saúde, aquilo abalou minha autoestima”, lembra.

Leia mais: Treino funcional power de Bella Falconi inspirado no muay-thai

Isso foi em 2011. “Então, conheci a Diana Monteiro, atleta da categoria fitness, de Ribeirão Preto [SP], mulher de um amigo. Eles vieram para a Disney e ficaram hospedados em casa. Fiquei deslumbrada com o corpo dela. Eu sabia que se tivesse força de vontade chegaria lá. E nem queria aquilo tudo, não. Só um abdômen legal…” Diana entregou um pouco da sua rotina e da sua alimentação e Bella continuou por conta própria, lendo livros de nutrição holística, pesquisando e seguindo tudo à risca.

“Nos primeiros dois meses, o pessoal do escritório achou que eu estava ficando maluca. Eu levava marmita, abria na cozinha e vinha aquele cheiro de ovo… Mas depois de seis meses, quando os resultados começaram a aparecer, nasci de novo! Quanto mais a gente consegue, mais se motiva e mais resultado vem. Comecei a inspirar as pessoas ao meu redor. Foi uma espécie de efeito dominó. Usava o Instagram como filtro para as fotos que fazia e publicava no Facebook. Em 2012, tinha uns 500 seguidores e já achava muito!” Bem, o Insta de Bella foi crescendo, crescendo… e hoje tem 2,7 M! “Incluí textos motivacionais, porque sempre gostei de escrever – tenho praticamente um livro pronto, que ainda não publiquei, com essa coletânea.”

Em janeiro de 2013, Bella foi a uma feira fitness. Já com 200 mil seguidores, ficou surpresa quando viu pessoas numa fila de 40 minutos para tirar foto com ela. “Esse feedback e esse carinho foram o incentivo para eu me reinventar. Sabia que para continuar a fazer sucesso nas redes precisava de três pilares: ser absolutamente verdadeira (divido tudo: vitórias e fracassos), passar informação de qualidade e agregar conteúdo, e trazer novidades.” Foi então que Bella resolveu estudar nutrição. E participar de sua primeira competição. “Preciso confessar que nem estava tão motivada. Mas ganhei!” Veio a segunda competição [World Beauty Fitness & Fashion], e outra vitória – e… a gravidez.

Comments

comments

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

To Top