Connect with us

Destaque

Dieta detox: mais magra e sexy em uma semana

Published

on

Sete dias: esse é o tempo da dieta detox. Ela ajuda o organismo a se livrar das toxinas e enxugar as gordurinhas – dá para perder até 3 quilos. Você ainda fica mais disposta e sedutora – pronta para arrasar no próximo fim de semana!

Hora de desintoxicar!

Desânimo, inchaço, pele e cabelo sem vida e gordurinhas de sobra? Quando o organismo elimina o excesso de toxinas, você recupera energia e emagrece sem sacrifício. A acne também dá um tempo e até a libido melhora (não estranhe se fcar mais a fm de namorar!). Outra boa notícia: não é preciso encarar um longo programa de desintoxicação. Sete dias de dieta é sufciente para notar as mudanças positivas. Se conseguir começar no fm de semana, ótimo! Assim você tem mais tempo de preparar em casa as sopas, os shakes e sucos sugeridos no início do cardápio. Depois ele fca mais prático, e continua ajudando a desintoxicar. Você vai chegar ao sábado seguinte mais magra e poderosa! Nos dois primeiros dias, você consome apenas líquidos. “O objetivo é poupar o desgaste do organismo em um processo de digestão prolongado”, explica a nutricionista Alessandra Lessmann do Amaral, do SPA Infnity Blue, no Balneário Camboriú (SC). Portanto, prepare-se para se alimentar a cada duas horas e eliminar bastante líquido. A barriga vai fcar mais sequinha! Composta de cinco dias, a segunda etapa da dieta inclui alimentos sólidos, ricos em fibras, água e antioxidantes. Substâncias anti-infamatórias também entram no prato com frequência, deixando o organismo menos resistente à perda de peso. Se estiver disposta a enxugar mais alguns quilinhos, vá em frente. “Os cardápios podem ser seguidos por até duas semanas”, diz Alessandra. Depois disso, espere 15 dias para repetir as duas fases de desintoxicação. Assim, você se mantém sempre magra e sexy, sem perder o pique!

barriga_tanquinho_juju

Por que desintoxicar

Não há dúvida: o organismo sozinho é capaz de eliminar as toxinas. Mas vale dar uma forcinha, especialmente se você se expõe com frequência a substâncias inimigas. Elas estão presentes não só nos alimentos cheios de gordura, sal, açúcar, corantes, conservantes e agrotóxicos. Bebida alcoólica e noites maldormidas, assim como stress, cigarro, poluição e excesso de sol, também sobrecarregam o organismo. Resultado: o fígado (principal órgão responsável pela eliminação das toxinas) pode não dar conta da faxina, e uma dieta desintoxicante passa a ser bem-vinda.

2 dias só de líquido

Nesta fase, você consome entre 900 e 1000 calorias por dia, mas não passa fome. O segredo: alimentar-se a cada duas horas. Dá para emagrecer 1 quilo!

Ao acordar
1 copo (200 ml) de água com suco de 1/2 limão sem açúcar

Café da manhã (30 minutos depois)
Opção 1: Suco faxina geral (1 banana média batida com suco de 2 laranjas, 1 fatia média de mamão, 1 col. (sopa) de linhaça e 1 copo (200 ml) de água fltrada sem açúcar ou adoçante)

Opção 2: Shake intestino feliz (1 copo grande (250 ml) de leite de soja light batido com 3 ameixas secas, 1 fatia média de mamão, 1/2 maçã com casca e 1 col. (sopa) de aveia em focos sem açúcar ou adoçante)

Lanche da manhã
Opção 1: Suco desintoxicante (1 folha de couve-manteiga batida com suco de 1 limão, 1 fatia média de abacaxi, 1 copo (200 ml) de água e 1 lasca de gengibre sem açúcar ou adoçante)

Opção 2: Suco energizante (1 xíc. (chá) de melancia batida com 1 copo grande (250 ml) de água de coco, suco de 1 limão e 6 folhas de hortelã sem açúcar ou adoçante)

Chá da manhã
1 xíc. de chá de capim-limão almoço

Almoço
Opção 1: 1 prato (fundo) de sopa-creme de legumes e quinua

Opção 2: 1 prato (fundo) de sopa-creme de abóbora e gengibre

Lanche da tarde 1
Opção 1: 1 copo grande (250 ml) de suco de acerola batido com morango sem açúcar ou adoçante

Opção 2: 1 copo (200 ml) de suco de maçã natural com gotas de limão sem açúcar ou adoçante

Chá da tarde
1 xíc. de chá de hibisco com cravo

Lanche da tarde 2
Opção 1: Suco bronzeador (1 cenoura com casca batida com 1/4 de copo (50 ml) de suco de maracujá concentrado, 1 fatia média de abacaxi, 1 col. (sopa) de quinua em focos, 1 pitada de canela em pó e 1 copo (200 ml) de água fltrada sem açúcar ou adoçante)

Opção 2: Suco diurético (1 copo grande (250 ml) de chá verde gelado batido no liquidificador com 1 fatia grossa de melão, 1 maçã com casca, suco de 1 limão e 3 folhas de capim-limão fresco fltrada sem açúcar ou adoçante)

Jantar
Opção 1: 1 prato (fundo) de sopa-creme mix de legumes

Opção 2: 1 prato (fundo) de sopa-creme de mandioquinha e agrião

Ceia
Opção 1: 1 copo (200 ml) de água de coco

Opção 2: 1 copo (200 ml) de suco light à base de soja

Mais 5 dias para completar a limpeza

Aqui, os alimentos sólidos voltam ao cardápio e você come um pouco mais: entre 1100 e 1200 calorias. Combine as opções de refeição como preferir e mande embora mais 2 quilos!

Ao acordar
1 copo (200 ml) de água com suco de 1/2 limão sem açúcar

Café da manhã (30 minutos depois)
Opção 1: 1 copo grande (250 ml) de suco de abacaxi batido com hortelã + 1 fatia de pão integral light com 2 fatias de peito de peru, 2 rodelas de tomate cobertas com 1 fio de azeite extravirgem

Opção 2: 1 pote de iogurte light com 1 fatia fina de mamão picada e 3 col. (sopa) de mix de fibras (farinha de linhaça, quinua em focos e aveia)

Opção 3: 1 xíc. de chá verde + 4 biscoitos integrais com gergelim e 1 queijinho fundido (tipo Polenguinho Light)

Lanche da manhã
Opção 1: 4 ameixas secas + 2 nozes

Opção 2: 1 fatia média de abacaxi (ou 1 fatia média de melão) com raspas de casca de limão

Opção 3: 1 copo grande (250 ml) de suco de melancia batido com gengibre

Chá da manhã
1 xíc. de chá de hibisco com canela

Almoço
Opção 1: 1 prato (sobremesa) de folhas verdes (alface, rúcula), 1 col. (sopa) de cenoura ralada e 1 col. (sopa) de beterraba ralada com orégano, limão, 1 fio de azeite e pouco sal + 3 col. (sopa) de arroz integral com salsinha + 4 col. (sopa) de estrogonofe de frango com creme de leite light (ou 1 filé médio de peito de frango grelhado coberto com cogumelo refogado) + 1 taça grande de gelatina diet

Opção 2: 1 tomate recheado com tabule de quinua (ou salada de folhas verdes, rabanete e tomate à vontade com limão, 1 fio de azeite e pouco sal) + 3 col. (sopa) de arroz integral (ou arroz 7 cereais) + 1 filé médio de salmão assado com pimentão, cebola e tomate + 1/2 prato (sobremesa) de legumes cozidos no vapor + 4 morangos (ou 1 maçã)

Opção 3: 1 prato (sobremesa) de folhas verdes com 2 bastões de kani kama desfiados, 5 tiras finas de manga, 1 tomate e 1/4 de pepino japonês com molho oriental (limão, shoyu light e 1 fio de azeite)
• Omelete com abobrinha (feita com 1 gema, 2 claras e abobrinha ralada) + 2 pegadores de macarrão integral ao sugo + 1 taça pequena de manjar de coco light com calda de ameixa

Chá da tarde
• 1 xíc. de chá de erva-doce

Lanche da tarde 1
Opção 1: 1 pote de iogurte light com mamão picado

Opção 2: 1 banana assada e polvilhada com canela

Opção 3: 1 barra de cereais integrais light + 1 fruta (maçã, pera ou pêssego)

Chá da tarde
1 xíc. de chá de casca de abacaxi, 1 lasca de gengibre e especiarias (cravo, canela e anis-estrelado)

Jantar
Opção 1: 1 prato (mesa) de folhas verdes com 2 nozinhos de mussarela de búfala, 2 tomates secos, 4 col. (sopa) de frango desfiado, 1 col. (sopa) de croûton integral e 4 col. (sopa) de molho de iogurte desnatado com manjericão

Opção 2: 1 prato (mesa) de folhas verdes variadas com 2 col. (sopa) de abacaxi em cubos, 3 fatias de peito de peru em tiras, 1 col. (sopa) de cenoura ralada e 1 col. (sopa) de semente de girassol tostada sem sal e vinagre balsâmico

Opção 3: 1 prato (sobremesa) de folhas verdes (alface, rúcula, agrião), 1 lata de atum light, 1 tomate e 1/4 de pimentão amarelo com cebola, salsinha e 4 col. (sopa) de molho de iogurte desnatado com ervas

Ceia
Opção 1: 2 castanhas-do-pará (ou 5 castanhas de caju)

Opção 2: 1 potinho de leite fermentado (tipo Yakult) + 3 ameixas secas

Opção 3: 4 damascos secos + 1 xíc. de chá de camomila

Jogo limpo

Saiba mais sobre as toxinas e por que é importante eliminá-las

Por que é bom ajudar na faxina do organismo?
Com menos toxinas, tudo nele funciona melhor: digestão dos alimentos, absorção dos nutrientes, eliminação de líquidos. Até os hormônios cumprem suas funções de maneira adequada, sem prejudicar o metabolismo, a pele, o cabelo e até a libido.

barrigatanquinho_3

É verdade que dermatologistas e esteticistas são à favor da desintoxicação?
Sim, pois livre das toxinas, as células respondem melhor aos ativos dos cosméticos. O resultado da drenagem linfática também é mais eficiente quando o organismo está menos resistente para eliminar o excesso de líquidos.

Há outros sintomas de que o organismo está com excesso de toxinas?
Além da dificuldade de emagrecer mesmo com dieta, você fica cansada e irritada com facilidade. Pode, ainda, ter dores de cabeça e abdominal, gases, gosto amargo ou metálico na boca, memória e concentração prejudicadas.

Alimentos fundamentais na dieta desintoxicante

Melancia – ajuda a desintoxicar especialmente quando triturada com as sementes – ricas em fbras, elas limpam o estômago e o intestino. Essa parte da fruta ainda tem componentes diuréticos, facilitando a saída das toxinas na urina.

Folhas verdes – ricas em fbras e clorofla (antioxidante que ameniza os efeitos nocivos dos radicais livres produzidos no próprio processo de desintoxicação), são especialmente efcazes.

Quinua e linhaça – têm fbras que varrem as toxinas para fora do organismo. Também melhoram o funcionamento do intestino.

Chás verde e de hibisco – concentram antioxidantes capazes de remover as toxinas das células e facilitam a chegada de nutrientes até elas, reduzindo acne e celulite.

Abacaxi – carrega bromelina, enzima que favorece a digestão e reduz a infamação nas células.

Limão – contém compostos que estimulam a produção da bile pelo fígado. Essa substância isola a gordura e facilita a absorção dos nutrientes.

Maçã – oferece pectina, uma fbra que vira um tipo de gel capaz de impedir que parte da gordura dos alimentos seja absorvida. Já os favonoides, antioxidantes da fruta, protegem as células dos radicais livres.

Eles devem ser evitados durante o processo de desintoxicação

Açúcar – doces em geral, assim como alimentos adoçados com xarope de milho ou adoçantes à base de ciclamato e sacarose, contribuem para o aumento de toxinas.

Café – se você é fã da bebida, reduza a dose aos poucos para não sentir dor de cabeça. O ideal, no entanto, é suspendê-la da dieta por pelo menos dois dias.

Glúten e lactose – proteína do trigo (pão, biscoito, macarrão) e açúcar do leite e derivados, respectivamente, são substâncias com ação infamatória. Devem ser evitadas especialmente nos dois primeiros dias da dieta.

Carne vermelha – tem digestão lenta e, por isso, prejudica o processo de desintoxicação.

Por Shâmia Salem – boaforma.com.br

Comments

comments

2 Comments

2 Comments

  1. Juliana

    10 de março de 2014 at 16:55

    Qual a receita das sopas (cremes)?

    • Neiva

      14 de março de 2014 at 00:35

      No site da Boa Forma você encontra.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Destaque

Antes e depois: Graci Lacerda posta imagem de 20 anos atrás

Published

on

By

Para quem ainda não sabe, eu comecei a malhar com 16 anos e apenas com três anos comecei a ver os resultados

Graciele Lacerda é adepta inveterada e confessa da malhação. A jornalista, namorada de Zezé di Camargo, sempre posta fotos nas redes sociais, indo e vindo da academia. Nesta terça-feira (28), ela postou uma foto de quando tinha 16 anos, época em qua começou a malhar. “Para quem ainda não sabe, eu comecei a malhar com 16 anos e apenas com três anos comecei a ver os resultados”´, contou a jornalista.

De tanto gosto que tomou pela academia, a jornalista chegou a ingressar na faculdade de Educação Física e chegou a dar aulas por seis anos. “Até os meus 30 anos eu malhava para comer, meu metabolismo era ótimo, acelerado, e isso me ajudava muito. Mas com 31 anos comecei a sentir o peso da idade, já não conseguia obter resultado malhando e comendo de tudo”, continuou Graci, que procurou a ajuda de uma nutricionista para conseguir reverter o problema.

“Claro que sempre dou uma fugida na dieta porque amo comer e tenho vida social. Não sou neurótica na alimentação, mas sou viciada em academia e isso já me ajuda bastante. Apesar de sempre ter malhado, hoje com 36 anos, consigo manter o meu corpo do jeito que quero, mais sequinha e mais definido”, revelou a jornalista.

Comments

comments

Clique para Ler

Destaque

Após secar Anitta, Mayra Cardi revela que Kardashians a procuraram

Published

on

By

Anitta integra a lista de celebridades ajudadas por Mayra Cardi a emagrecer

Conhecida após participação do BBB em 2009, a ‘musa fitness’ Mayra Cardi é a convidada do ‘Luciana By Night’ desta terça-feira (8). Life coaching de diversos famosos, a bela explica que precisou passar por uma dificuldade para aderir ao modo de vida saudável. “Tive hipertireoidismo quando era mais nova e ia depender de remédios para o coração e de iodoterapia. Logo, me recusei e me dispus a estudar para entender melhor sobre a boa alimentação”, comenta.

Os benefícios da mudança de vida também refletiram no tratamento de câncer de seu pai, conta ela, que substituiu a alimentação comum pela orgânica. “Na época o médico nos disse que ele tinha apenas três meses de vida e conseguimos fazer com que ele vivesse por mais três anos, apenas trocando os alimentos”, defende.

Anitta integra a lista de celebridades ajudadas por Mayra Cardi a emagrecer. Recentemente a cantora eliminou cerca de 10 quilos, e a especialista detalha como fez o acompanhamento da carioca. “Fiquei full time com ela para entender a rotina de vida que ela tem e é muito massacrante. Então eu entendi não só o que acontecia, mas o ambiente como um todo, e precisava resolver rápido”, comenta a bela, que morou com Anitta por 40 dias.

Atualmente vivendo na Califórnia (EUA), ela encabeça o programa “Seca Você” há mais de três anos, ajudando pessoas a emagrecerem “de dentro para fora” por um valor que varia entre R$ 1.500 e R$ 120.000, dependendo do tipo de serviço contratado. Após ajudar Anitta, Mayra conta para Gimenez que outros famosos a procuraram, revelando: “As[irmãs] Kardashian acabaram de vir atrás de mim”.

Frituras, açúcar e bebidas alcoólicas são alguns exemplos do que ela cortou 100% em sua alimentação. Além disso, ela aconselha quem está brigando com a balança: “As pessoas quando querem emagrecer fazem dieta de segunda a sexta-feira e comem errado aos finais de semana. Isso não vai te emagrecer, isso vai apenas manter o seu peso”.

Comments

comments

Clique para Ler

Academia

Erros comuns quando se quer ter mais massa muscular

Published

on

By

Treinar é fundamental, mas é necessário ter peso e medida

Ter mais músculo não é apenas sinônimo de mais força, é também uma espécie de escudo protetor para a saúde em geral, beneficiando a saúde óssea, cardiovascular e ainda o sistema imunológico, que fica mais reforçado e capaz de combater a gordura indesejada.

O treino de força e a alimentação adequada – com uma especial atenção para a proteína – são dois dos aspectos que mais importância têm na hora de construir mais músculo de forma saudável, contudo, para que o aumento do músculo aconteça da forma mais correta é ainda importante apostar num processo gradual e também nos comportamentos mais certeiros.

Como explica o site Deporte y Vida do jornal espanhol As, existem alguns erros comuns na hora de ‘lutar’ por um aumento da massa muscular, erros esses que não só comprometem o sucesso, como podem mesmo colocar a saúde em risco. Veja quais são:

1 – Comer tudo e mais alguma coisa. Tem quem pense que o simples fato de treinar com regularidade permite comer tudo, mas não é bem assim, especialmente quando isso inclui mesmo tudo, até os alimentos menos saudáveis. Embora o corpo precise de combustível (proteína, carboidratos complexos e gordura saudável), é preciso ter atenção ao tipo de alimento,para que não se aumente a gordura e em vez da massa muscular.

2 – Não ter um objetivo definido. Treinar por treinar e comer por comer nunca dá bom resultado, especialmente quando o objetivo é ter um corpo mais tonificado e mais músculo. Para que isso seja possível, é necessário ter um plano de treino adequado (preferencialmente definido por um treinador) e também uma alimentação que vá ao encontro das necessidades e que assegure todos os nutrientes necessários;

3 – Treinar muito. Como já dissemos, o treino é fundamental, contudo, ter peso e medida é fundamental, pois o descanso é fundamental para a recuperação muscular e capacidade de ‘crescer’;

4 – Abusar nos pesos. O treino de força é aquele que mais trabalha os músculos, mas mais importante do que o peso usado é a técnica. Sabia que mais vale fazer mais repetições do que apostar tudo no peso máximo?;

5 – Não dormir o suficiente. O descanso é fundamental para os músculos recuperarem devidamente e parte desse descanso depende do sono.

Comments

comments

Clique para Ler

Advertisement

Facebook




Mais Acessados