Connect with us

Academia

Dieta do limão emagrece e fortalece a imunidade: tudo o que você precisa saber

Published

on

Rico em vitamina C, antioxidantes e sustâncias detergentes, o limão ainda possui propriedades antibacterianas que ajudam no tratamento de infecções, como gripe e dores de garganta, e pode ser um bom aliado contra indigestão, desintoxicação e emagrecimento. É por isso que a fruta normalmente está no cardápio de pessoas que querem emagrecer e limpar o organismo.

Dieta do limão para perder peso e garantir saúde

A base do consumo do limão para perder peso está na adição da fruta a bebidas, chás, saladas ou mesmo em um simples copo de água. Beber água morna misturada com suco de limão, sem açúcar, ajuda a purificar o organismo, estimula o sistema imunológico, contribui para o equilíbrio do pH e para o processo digestivo, hidratando ainda o sistema linfático.

O poder adstringente do limão também ajuda se, na noite anterior, a pessoa comeu um prato gorduroso demais. Além disso, a mistura de água morna com limão estimula a produção de saliva e do suco gástrico, o que facilita a digestão, e ainda melhora o pH do sangue, que garante combate aos radicais livres.

Apesar do sabor ácido provocado pelo ácido cítrico, o limão ajuda a manter o pH alcalino sanguíneo, fato que promove bons efeitos para a saúde e a dieta. Em um meio alcalino, ou seja, com pH superior à 7, as células sanguíneas são capazes de liberar toxinas de maneira mais eficiente, reduzindo assim as inflamações do organismo, diminuindo a sensação de cansaço e turbinando o emagrecimento.

Vale ressaltar, no entanto, que não é possível apontar a bebida como “milagrosa”, mas sim como auxiliar no processo de eliminação de gordura presente na parede do sistema digestivo. De acordo com especialistas, a simples mistura de água com limão não garante perda de peso real e imediata, mas a bebida pode ajudar em combinação com um cardápio equilibrado e prática de atividades físicas.

É importante lembrar ainda que o consumo de água com limão deve ser moderado, segundo profissionais da saúde. Ingerir a bebida em jejum por mais de 10 dias não é recomendado porque pode provocar azia e até mesmo úlcera gástrica.

Limão com gengibre ajuda na dieta

agua-com-limao-0816-1400x800

Enquanto o gengibre é um dos alimentos termogênicos mais consumidos por quem quer eliminar os quilos extras, acelerando a queima de gordura, o limão é o componente detox que limpa o organismo e garante fortalecimento do sistema imunológico. Juntos, eles também são capazes de exterminar celulites e diminuir o inchaço. Além disso, associar o gengibre ao limão significa ter muito mais sabor em uma mistura rica em vitamina C, pouco calórica e antioxidante.

A maneira mais simples de combinar os alimentos é através de chás ou da simples mistura com a água. Basta fazer um suco de 3 limões e, depois de ponto, diluir em uma pequena quantidade de água filtrada e adicionar duas colheres de café de gengibre ralado para consumir ao longo do dia.

Limão com vinagre reduz o inchaço

Agora que você conhece os benefícios de consumir água com limão para a dieta e melhor digestão, saiba que pode turbinar ainda mais a bebida com um novo ingrediente e garantir organismo livre de toxinas e inchaço: o vinagre de maçã.

Rico em enzimas e potássio, o vinagre de maçã ajuda na perda de peso por quebrar a gordura, reduz níveis de colesterol, pressão arterial e inflamações e ainda contribui para uma boa digestão e alívio de dores musculares do pós-treino. Para preparar a bebida, basta diluir em água 1 colher de sopa de vinagre de maçã com o suco de 1 limão. Se preferir, pode ainda adoçar com 1 colher de sopa.

agua-com-limao_2

Como perder peso com limão e berinjela

A união da berinjela e do limão é outra boa opção de casamento entre acidez e fibras que, além de promover uma desintoxicação do organismo, acelera o metabolismo, contribuindo para o aumento de queima de calorias e, consequentemente, para a perda de peso.

Comments

comments

Academia

Àlcool x Emagrecimento, você sabe qual é?

Published

on

By

Com a palavra Dr. Igor Curvina nutricionista da Clinica Corpo Perfeito.
Não é uma novidade que o consumo de álcool atrapalha o processo de emagrecimento, muitas pessoas preferem ignorar esse fato compensando com extremos na dieta ou na atividade física, deixando de ingerir calorias de nutrientes importantes que promovem o anabolismo e utilizando de excessos esportivos, mas seria mais fácil reduzir o consumo de alcoólico, não é?!
Na nutrição nada engorda e nada emagrece, tudo depende!!! O álcool em questão é prejudicial em quase todos os sentidos, tem 7 kcal/g e nenhum valor nutricional (isso já o define), mas aprofundando é metabolizado primariamente pela enzima hepática álcool desidrogenasse(ADH) percorrendo um caminho bioquímico que por final pode ser utilizada para a síntese de gordura, e esse é o problema!

Para cada grama de etanol metabolizado, são formadas 7,1 kcal/g, uma fonte energética considerável, comparando-se aos carboidratos (4 kcal/g), proteínas (4 kcal/g) e lipídios (9 kcal/g). Porém, acredita-se que pessoas habituadas a ingerir doses altas de álcool não seriam capazes de aproveitar toda sua caloria, uma vez que a via de metabolização utilizada nesses casos seria a SMOE (sistema microssomal de oxidação do etanol), apontando que nem todas as pessoas aproveitam as calorias do álcool da mesma maneira: as mais magras, tendem a não aproveitar suas calorias de forma eficiente, ao contrário de indivíduos com IMC (Índice de Massa Corpórea) mais elevado, entrando mais uma vez na questão da individualidade biológica de cada um, bem como a quantidade de álcool consumida, como a de alimentos ingeridos. Tudo é importante e pode repercutir no ganho de gordura, aumentando a sua toxicidade no organismo.

Nesse sentido, conhecer o valor calórico do álcool e questionar a quantidade diária consumida devem fazer parte da avaliação nutricional, a fim de que esse importante dado seja considerado tanto no cálculo dietético para controle de peso, quanto para caracterizar a desnutrição.
Esclarecendo, não adianta ingerir destilados aterrorizando os fermentados, o álcool está presente da mesma maneira o que faz diferença é a quantidade ingerida e com que frequência.

Comments

comments

Clique para Ler

Academia

Exercícios para fazer em casa com o superband

Published

on

By

O acessório SuperBand ajuda a aumentar a variedade de exercícios para quem treina em casa. No vídeo a seguir temos alguns exemplos que vão ajudar a tonificar os músculos das pernas e dos glúteos.

A Super Band Forte da O’Neal é indicada para potencializar os treinos de força, velocidade e estabilização. São elásticos circulares de borracha de alta resistência. Podem trabalhar tanto a parte superior como a inferior do corpo. Existem 4 níveis de resistência e intensidade.

Ideal para ganho de força e estabilidade nos membros superiores e inferiores. Além de ser ótimo para exercício solo, é o melhor elástico extensor para exercícios em dupla, pois estica mais, facilitando os movimentos.

BENEFÍCIOS

  • Realização de alongamentos e fortalecimento muscular
  • Melhora a coordenação motora
  • Aprimora habilidades funcionais
  • Aumenta a mobilidade e flexibilidade
  • Reabilitação de lesões
  • Prevenção de recidivas de lesões
  • Uso pós cirúrgico
  • Treinamento esportivo
  • Fitness e condicionamento corporal
  • Tonificar e modelar seus braços e pernas

Comments

comments

Clique para Ler

Academia

Criando Abdômen Chapado, quebrando mitos e Montando um Planejamento

Published

on

By

Ter o Abdômen Chapado com certeza chama a atenção de muitas pessoas, mas… para conquista-lo você vai precisar se esforçar!

Para alcançar o abdômen tipo “six pack” e poder mostrar, no meu ponto de vista, existe apenas duas maneiras:

Primeira: a pessoa tem a genética de ectomorfo e ter um abdômen desses é algo supernormal, ou;

Segunda: a pessoa não é ectomorfo, mas cuida muito da alimentação e destrói todos os nossos treinos de Abdômen.

No entanto, tudo que sei é que para o segundo caso, principalmente, treinar muito e treinar de forma correta é fundamental!

E por isso, a minha primeira orientação é entender como funcionam os músculos do abdômen.

Em relação à divisão, os músculos do abdômen se dividem em:

  • Reto abdominal;
  • Oblíquo externo;
  • Oblíquo interno;
  • Transverso do Abdômen.

O reto abdominal que se localiza no centro do abdômen, tem a função de flexionar a coluna vertebral.

Os oblíquos que se localizam em cada lado do tronco, flexionam e giram a coluna vertebral.

Já, o Transverso do Abdômen protege a coluna vertebral.

Um abdômen forte é de extrema importância em todos os esportes, e na estética é o grande diferencial para aparência saudável.

         

Montando o Planejamento

 

No post de hoje, vamos abordar o treino de alta intensidade para construir o Abdômen Chapado, no entanto, para aproveitar o melhor dos exercícios que irei prescrever é importante dispensar alguns cuidados.

Por esse motivo, separei abaixo, algumas considerações que julgo serem importantes para a segurança e para o desenvolvimento muscular desta região.

 

Aquecimento

Sugiro uma 1 série de 30 repetições, sem carga, que será o aquecimento no Abdominal Máquina.

 

Isolamento

Separe dois para o Abdômen, afinal o foco aqui é dar atenção total para parte central do corpo.

 

Intervalo

O intervalo entre as séries é de no máximo 1 minuto.

Entre os aparelhos, será o tempo de desmontar o que foi utilizado e montar o que vai ser utilizado, em média 2 a 3 minutos.

 

TREINO PARA CRIAR ABDÔMEN CHAPADO

Abdominal Máquina (6X)
1 série de 30 repetições, sem carga, que será o aquecimento;

1 série de 15 com metade da carga que você utiliza;

4 séries do que conseguir realizar, não realizar menos que 6; repetições e nem mais do que 15, com o peso que você utiliza.

 

Elevação de Pernas em Suspensão (4X)
4 séries do que conseguir realizar.

 

Abdominal com Rotação (4X)
4 séries do que conseguir realizar.

 

Elevação de pernas com rotação em suspensão (4X)
4 séries do que conseguir realizar.

 

Para Finalizar

Que esse é um treino que mexe com grande parte dos músculos da região inferior, por isso é essencial que o execute no máximo duas vezes na semana.

Respeitando sempre o intervalo de dois dias entre as sessões de treinamento.

Lembre-se também de consultar um profissional da área de treinamento para analisar e ajustar o treino sugerido de acordo com suas necessidades.

Como mencionei acima, especialmente a região do abdômen pode se tornar volumosa caso consuma alimentos em excesso, principalmente carboidratos e açúcares, por isso, além de manter foco e disciplina nos treinos, cuide muito do que come.

Além disso, evite álcool e tabaco, para aumentar os níveis de saúde.

 

fonte: dicasdetreino.com

Comments

comments

Clique para Ler
Advertisement

Facebook

Mais Acessados