Connect with us

Academia

Essas são as 7 coisas que acontecem quando você começa a fazer prancha todos os dias

Published

on

Exercícios de peso corporal, estão ganhando terreno no mundo fitness, tudo pela praticidade e simplicidade de entrar em forma sem usar nenhuma aparelhagem, apenas seu próprio peso. Prancha, é uma forma de exercício de peso corporal, muito eficaz em sua proposta. Por quê? Porque esse exercício, exige um pequeno investimento de tempo, e oferece a oportunidade de conseguir resultados substanciais em um período relativamente curto de tempo.

prancha 3 apoios_large

Músculos abdominais fornecem suporte para nossa coluna vertebral, e também desempenham um papel vital na prevenção de lesões.

Untitled-1

No entanto, para executar esta função com sucesso, os nossos músculos do abdômen, braços, ombros e pernas, tem que estarem saudáveis. O que tudo isto significa, é que fazer exercícios de prancha todos os dias é uma ótima maneira de reforçar a sua musculatura, e trabalhar sua coluna vertebral.

Agora, vamos nos concentrar no que vai acontecer quando você começar a fazer prancha todos os dias:

1. VOCÊ IRÁ MELHORAR SUA MUSCULATURA E SEU DESEMPENHO

Prancha é o exercício ideal para trabalhar a musculatura abdominal, pois a atividade envolve todos os principais grupos musculares, incluindo o transverso abdominal, o reto abdominal, músculo oblíquo externo e os glúteos. Ao fortalecer esses grupos musculares, você irá notar:

  • Transverso abdominal: Aumento da capacidade de levantar pesos.
  • Reto abdominal: Melhora no desempenho esportivo. Este grupo muscular também é responsável por dar-lhe o famoso “six pack” (abdômen definido).
  • Músculos oblíquos: Melhora na capacidade de flexão lateral.
  • Glúteos: Melhora o suporte para as costas, e ajuda a definir o bumbum

2. VOCÊ IRÁ DIMINUIR O RISCO DE LESÕES NAS COSTAS E COLUNA VERTEBRAL

Fazer prancha, é um tipo de exercício que lhe permite construir músculos, e ao mesmo tempo, não permite que você coloque muita pressão sobre a coluna ou quadril.

De acordo com a American Council on Exercise, fazer prancha regularmente não só reduz significativamente a dor nas costas, mas também fortalece os músculos e garante um forte apoio para ela, especialmente nas áreas da parte superior das costas.

Prancha_Treinamento_Funcional-1458399709446

3. IMPULSIONA O SEU METABOLISMO

Prancha é uma ótima maneira de desafiar o seu corpo inteiro, pois fazê-la todos os dias irá queimar mais calorias do que outros exercícios abdominais tradicionais.

Os músculos que você fortalece fazendo esse exercício diariamente, irão garantir que você queime mais energia, até mesmo você que é sedentário. Além disso, reservar um tempo de 10 segundos a 1 minuto para realizar esse exercício diariamente, antes ou depois do trabalho, não só irá proporcionar uma melhora no seu metabolismo, mas também irá garantir que essa taxa metabólica permaneça elevada durante todo o dia, até mesmo quando você estiver dormindo.

4. IRÁ MELHORAR SIGNIFICATIVAMENTE SUA POSTURA

Fazer prancha melhora significativamente a sua capacidade de ficar com postura reta e estável. Através do fortalecimento dos grupos musculares já citados acima, você será capaz de manter a postura correta em todos os momentos, pois os músculos do abdômen tem um efeito profundo sobre a condição geral do seu pescoço, ombros, peito e costas.

5. VOCÊ IRÁ MELHORAR SEU EQUILÍBRIO

Alguma vez você já tentou se equilibrar com uma perna só e não deu muito certo? A musculatura abdominal pode ter grande relação com isso. Quando seus músculos abdominais não são fortes o suficiente, eles não provém a força necessária para lhe dar equilíbrio. E fazendoprancha lateral (imagem abaixo), é uma ótima maneira de conseguir melhorar nisso.

pranchalateral-1458399289187

6. FLEXIBILIDADE

A flexibilidade é um dos principais benefícios de fazer prancha regularmente. Neste exercício, os grupos musculares posteriores, expandem-se e estendem-se (ombros, omoplatas, e clavícula). Com uma prancha lateral adicionada à mistura, você também pode trabalhar seus músculos oblíquos. Isto irá fornecer-lhe mais benefícios quando trata-se de hiper-estender os dedos dos pés, um movimento que é crucial para suportar o peso do seu corpo.

7. VOCÊ IRÁ TESTEMUNHAR BENEFÍCIOS MENTAIS

Exercícios de prancha tem um efeito em nossos nervos, tornando-os um excelente meio de melhorar o humor geral.Como? Bem, eleestica grupos musculares que contribuem para o estresse e a tensão no corpo. Basta pensar nisso: você está sentado em sua cadeira, em casa ou no trabalho, durante todo o dia, os músculos das coxas ficam apertados, as pernas ficam pesadas devido a posição durante várias horas; a tensão desenvolve-se em seus ombros. Estas são algumas das circunstâncias que colocam muito estresse sobre os músculos e nervos.

A boa notícia, é que prancha não apenas acalma o seu cérebro, mas também pode tratar a ansiedade e os sintomas de depressão. Mas só se você torná-lo parte da sua rotina diária.

Agora, a última coisa que resta a fazer é dar-lhe um exercício de prancha que você pode fazer para conseguir grandes resultados em apenas 5-10 minutos por dia. Veja na foto abaixo!

prancha-1458398750146

Comments

comments

Academia

Erros comuns quando se quer ter mais massa muscular

Published

on

By

Treinar é fundamental, mas é necessário ter peso e medida

Ter mais músculo não é apenas sinônimo de mais força, é também uma espécie de escudo protetor para a saúde em geral, beneficiando a saúde óssea, cardiovascular e ainda o sistema imunológico, que fica mais reforçado e capaz de combater a gordura indesejada.

O treino de força e a alimentação adequada – com uma especial atenção para a proteína – são dois dos aspectos que mais importância têm na hora de construir mais músculo de forma saudável, contudo, para que o aumento do músculo aconteça da forma mais correta é ainda importante apostar num processo gradual e também nos comportamentos mais certeiros.

Como explica o site Deporte y Vida do jornal espanhol As, existem alguns erros comuns na hora de ‘lutar’ por um aumento da massa muscular, erros esses que não só comprometem o sucesso, como podem mesmo colocar a saúde em risco. Veja quais são:

1 – Comer tudo e mais alguma coisa. Tem quem pense que o simples fato de treinar com regularidade permite comer tudo, mas não é bem assim, especialmente quando isso inclui mesmo tudo, até os alimentos menos saudáveis. Embora o corpo precise de combustível (proteína, carboidratos complexos e gordura saudável), é preciso ter atenção ao tipo de alimento,para que não se aumente a gordura e em vez da massa muscular.

2 – Não ter um objetivo definido. Treinar por treinar e comer por comer nunca dá bom resultado, especialmente quando o objetivo é ter um corpo mais tonificado e mais músculo. Para que isso seja possível, é necessário ter um plano de treino adequado (preferencialmente definido por um treinador) e também uma alimentação que vá ao encontro das necessidades e que assegure todos os nutrientes necessários;

3 – Treinar muito. Como já dissemos, o treino é fundamental, contudo, ter peso e medida é fundamental, pois o descanso é fundamental para a recuperação muscular e capacidade de ‘crescer’;

4 – Abusar nos pesos. O treino de força é aquele que mais trabalha os músculos, mas mais importante do que o peso usado é a técnica. Sabia que mais vale fazer mais repetições do que apostar tudo no peso máximo?;

5 – Não dormir o suficiente. O descanso é fundamental para os músculos recuperarem devidamente e parte desse descanso depende do sono.

Comments

comments

Clique para Ler

Academia

10 estratégias para perder gordura nas pernas

Published

on

By

Tonificar as pernas é uma das tarefas mais difíceis do mundo fitness

Sejamos honestos, os dias de treino de pernas são um dos piores. Além de ser um dos mais dolorosos, é aquele em que para ver os resultados é preciso esperar semanas ou meses. As coxas são uma das regiões do corpo onde a gordura se aloja mais facilmente, mas mais dificilmente sai. A combinação de exercício físico com uma alimentação saudável e equilibrada é o caminho a seguir, mas é preciso fazer mais.

O site Eat This, Not That! mostra que perder gordura nas pernas é uma tarefa árdua, mas não impossível. Quer provas? Confira dez estratégias que ajudam a perder gordura na região:

1 – Beber café antes do treino, um hábito que não só dá mais energia para a prática de exercício como favorece ainda a capacidade do metabolismo queimar gordura;

2 – Trabalhar as pernas fazendo alguns exercícios de tonificação, colocando o peso do corpo apenas na parte da frente do pé;

3 – Agachamentos… sempre;

4 – Correr… mas subindo. Aumentar a inclinação é uma forma de aliar o exercício cardiovascular (corrida) à tonificação dos músculos das pernas.

5 – Aderir à prensa, procurando ajuda de um instrutor para saber qual o peso mais indicado a colocar;

6 – Fazer vários tipos de lunges, sejam estáticos, em andamento, com ou sem peso;

7 – Dizer ‘adeus’ ao sofá e aproveitar as noites para caminhar depois do jantar;

8 – Aumentar o consumo de cálcio, mineral que não só favorece os ossos, como melhora a formação de músculo;

9 – Apostar nos cítricos, alimentos ricos em vitamina C que travam os marcadores inflamatórios e, por isso, melhoram a presença de gordura acumulada;

10 – Quando o tempo para treinar é pouco, comece a praticar sprints.

Comments

comments

Clique para Ler

Academia

Nicole Bahls revela seus segredos para ter um ‘bumbum na nuca’

Published

on

By

Ostentando um corpo malhado, Nicole Bahls diz que não pega leve na academia. A assistente de palco do Ferdinando Show revela que pegou pesado para emagrecer 6 kg antes da atração e manter o corpo em forma. Para ostentar seu “bumbum na nuca”, Nicole compartilha alguns de seus segredinhos:

“Faço dieta equilibrada e academia. Muito agachamento. Uso quatro apoios e faço quatro repetições de 20, com 20 kg em cada perna. Mas é um pouco da minha genética também que ajuda”, conta Nicole à revista ‘Quem’.

Comments

comments

Clique para Ler

Advertisement

Facebook




Mais Acessados