whey protein
Academia

Lesão muscular ocorre mais na mulher que no homem

As mulheres devem adaptar seus treinos na expectativa de evitar ou, pelo menos, diminuir o risco de leões durante a prática dos exercícios físicos. A sugestão ou conselho é da Universidade de Alberta, no Canadá, baseada em pesquisa que comprova que as atletas do sexo feminino têm taxas muito maiores de lesões do que os homens.

O estudo confirma que as lesões musculoesqueléticas e problemas de saúde são mais frequentes nas mulheres atletas que nos homens que praticam exercícios. E explica que a razão é simples, os programas de treinamento desenvolvidos para as mulheres são baseados nos que já existiam para os homens adultos e não para o sexo frágil, respeitando o metabolismo próprio das mulheres e suas adversidades.

Os exercícios nos aparelhos de musculação são para treinamentos de homens e quando “transferidos’ para o percurso das mulheres não levam em conta as diferenças biológicas existentes entre os dois sexos.

As mulheres sofrem contusões muitas vezes consideradas graves em membros fundamentais para a prática do esporte. As regiões mais afetadas são, principalmente, os joelhos e os ombros, entretanto, estas podem ser prevenidas.

Um dos riscos da mulher ter mais lesão se deve ao fato de, na idade mais avançada, a chamada “tríade feminina”, ou seja, três condições, separadas, mas interligadas, distúrbios alimentares, ausência de menstruação, conhecida como amenorréia e a osteoporose.

Os cuidados para que as mulheres atletas evitem contusões são simples, não abrir mão de uma alimentação equilibrada, muito líquido e adaptar os exercícios, o treino, a caminhada, a natação ou qualquer outra atividade física à sua necessidade já que cada corpo responde de uma maneira.

A mulher deve, segundo os pesquisadores, dar preferência a atividades físicas de baixo impacto e priorizar a prática de treinos ao seu condicionamento aeróbico, sem levar o corpo ao esforço ilimitado.

Comments

comments

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

To Top