Connect with us

Destaque

Modificar os Treinos de Musculação é fundamental

Published

on

Modificar os Treinos de Musculação é fundamental, pois o corpo humano é surpreendente. Não importa a que condições o expomos, ele se adapta rapidamente. Todo processo de construção muscular acontece graças a adaptação do corpo ao aumenta de carga e stress. Simplificando, funciona assim:
Levantando peso X, seu corpo desenvolve X quantidade de músculos para suportá-lo.
Levantando peso Y, seu corpo desenvolve Y quantidade de músculos para suportá-lo.
E assim por diante…

SE FOSSE TÃO SIMPLES ASSIM, SERIAMOS TODOS GIGANTES!
Como os mais experientes já sabem, você não terá grandes progressos usando a mesma rotina de treinos de musculação por um longo período de tempo. O corpo humano se adapta ao stress muito rápido. E uma vez que seu corpo se adapta ao nível de stress de sua rotina atual, não existirá nenhuma razão que o fará crescer.

Você deve estar se perguntando o que pode fazer para mudar o seu treino e evitar a estagnação, não é mesmo? Existem várias maneiras de fazer isso, veja as principais:

COMO MUDAR SUA ROTINA DE TREINOS DE MUSCULAÇÃO

  • Aumentar a Intensidade: A intensidade constrói o músculo. Essa dica fica no topo, pois a considero a mais importante. Quando você usa uma rotina de treinos por um longo período de tempo, por mais que pareça que o treino está pesado, o seu nível de intensidade cai sem que você perceba. Conheça todas as formas de aumentar a intensidade de seus treinos.
  • Varie nos Exercícios: Cada grupo muscular tem uma grande variedade de exercícios, e muitos nunca são executados pela grande maioria dos praticantes de musculação. Conheço muitas pessoas que cortam os exercícios chatos e treinam a mesma coisa o ano inteiro. Como diria o gigante Nasser el Sonbaty, os exercícios que você menos gosta de fazer são os que trazem mais resultados. Para continuar crescendo, sua rotina de treinos deve durar entre 4 a 6 semanas (o que já é mais que o suficiente para o seu corpo se acostumar). Veja algumas opções de exercícios para os principais grupos musculares.
  • Alterne os Dias de Treino: Alternar a ordem dos seus treinos de musculação pode causar um grande impacto sobre seus músculos. Geralmente, você deve trabalhar os seus grupos musculares mais fracos no começo da semana, pois terá mais energia para desenvolvê-los (treinar peito toda segunda-feira pode não ser uma boa ideia). Porém, antes de modificar sua rotina você deve garantir que os músculos tenham o devido descanso para crescer. Não treine bíceps segunda-feira e costas na terça, pois o bíceps é um músculo secundário no treino de costas e, dessa forma, não terá o devido descanso.
  • Alterne a Quantidade de Treinos Semanais: Quando falamos em construção muscular, menos é mais. Evite treinar todos os dias na semana. Em alguns casos, 5 treinos podem ser interessantes. Porém, nas semanas em que suas demais atividades exigem muito de você (semana de prova, épocas mais puxadas no trabalho), treinar 3 vezes pode ser o ideal. Seu corpo provavelmente vai se beneficiar mais do descanso extra do que de um treinamento desnecessário.
  • Escolha Exercícios Pesados: Como já citamos acima, os treinamentos que exigem mais, considerados chatos por algumas pessoas, são os que trazem mais resultados. Dessa forma, procure escolher os treinos de musculação mais pesados que puder.

Fonte: http://news.slnutrition.com

Comments

comments

1 Comment

1 Comment

  1. Informações

    30 de março de 2012 at 21:02

    Gostei do artigo, está totalmente certo.

    Para ir aumentando os músculos é preciso ir aumentando os pesos.

    Treinei um tempo com o mesmo peso e o resultado estagnou.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Destaque

5 coisas que você jamais deve dizer para quem está tentando perder peso

Published

on

By

É comum que as pessoas de dieta não gostem quando outras pessoas notem a perda de peso

Quando alguém está no processo de perda de peso, é comum sentir uma certa ansiedade para ver resultados em pouco tempo. Nestes casos, as pessoas ao redor precisam seguir um certo código de etiqueta, para não frustrar ou desestimular quem está tentando emagrecer, nem minar suas chances de sucesso.

Segundo o site My Fitness Pal, é comum que as pessoas de dieta não gostem quando outras pessoas notem a perda de peso, muito menos sejam cumprimentadas, elogiadas nem receber atenção – por incrível que pareça. Isso porque, quem está perdendo peso, quer tirar o foco da dieta, pelo menos um pouco. Claro que há pessoas que gostam de receber palabras de encorajamento, mas este comportamento é menos comum. Confira cinco frases que você jamais deve dizer a quem está tentando emagrecer, por serem deselegantes ou, no mínimo, inadequadas.

1. “Quantos quilos mais você quer perder?”

2. “Você provavelmente não quer comer isso, né?”

3. “Você está tão melhor do que antes!”

4. “Você vai ganhar o peso de novo de qualquer maneira”. 5. “Você está tão bem!”

Comments

comments

Clique para Ler

Alimentação e Nutrição

Vai encarar? A nova tendência fit é ovo cru no café

Published

on

By

Especialistas não recomendam a prática

Para os amantes do mundo fitness, pode ser um hábito comer ovos crus batidos e beber café antes do treino, mas será que já pensaram em combinar os dois? Esta parece ser a nova técnica do fitness, adotada por maratonistas e por quem quer juntar a potência dos dois ingredientes numa só bebida para ter mais energia para treinar.

Na verdade a técnica é bastante antiga, pois há séculos húngaros, escandinavos e vietnamitas juntam ovo cru ao café para obter uma bebida potente e cremosa, segundo a revista Runner’s World.

Os estudos já comprovaram que beber café antes do treino pode contribuir para melhorar o desempenho, devido ao efeito estimulante da cafeína. Quanto aos ovos, a proteína e a gordura ajudam os músculos a se recuperar.

Portanto, apesar de várias pessoas do mundo fitness estarem aderindo à tendência de aliar ovo cru e café, esta pode não ser a forma mais benéfica de consumir estes ingredientes. Isto porque o café deve ser consumido antes do treino, para melhorar a performance, e os ovos devem ser consumidos depois, para ajudar os músculos a se recuperar do treino.

Comments

comments

Clique para Ler

Alimentação e Nutrição

Afinal, beber água morna com limão em jejum faz bem para a saúde?

Published

on

By

Especialista destaca quais são os benefícios de incluir o limão na alimentação diariamente

Épossível adotar uma alimentação nutritiva e balanceada sem gastar fortunas no supermercado toda semana. Entre os alimentos mais ricos em nutrientes e disponível em abundância está o limão, que possui um poderoso conjunto de benefícios para a saúde.

Rico em vitamina C e antioxidantes, o limão ajuda na perda de peso, aumento da imunidade, ajuda na absorção de ferro, atua na prevenção de cálculos renais, melhora a saúde do coração e até mesmo pode ser um importante aliado no combate ao desenvolvimento de câncer.

“O limão é uma das frutas mais ricas em vitaminas e minerais, além disso, tem potentes antioxidantes que favorecem o bom funcionamento do organismo. Outro ponto muito importante é que é uma fruta acessível e fácil de encontrar, portanto, é bastante fácil inclui-la na alimentação”, explica Dr Rocha, médico pesquisador na área de nutrição e Presidente do Instituto Nacional de Estudos da Obesidade e Doenças Crônicas (INEODOC), autor do livro “Diabetes Controlada: o programa para controlar a diabetes e voltar a viver bem”.

Para o médico, entre as melhores maneiras de consumo está a ingestão de água com limão em jejum, diariamente. Segundo ele, essa maneira de consumo potencializa a absorção de vitamina C e demais compostos da fruta pelo organismo. Outra maneira de colher os benefícios da fruta, segundo Rocha, é utilizá-la como tempero em saladas, ou até mesmo em acompanhamentos de carnes, uma vez que sua presença potencializa a absorção de ferro pelo organismo.

Confira aqui os benefícios mais incríveis que o consumo diário de limão pode trazer para a sua saúde:

  1. Colabora com a perda de peso: O limão realmente pode ajudar no emagrecimento. Rica em minerais e antioxidantes, a fruta possui em sua composição os chamados polifenóis, um tipo de substância que é capaz de diminuir a resistência à insulina de pessoas eutroficas, ou que estejam em sobrepeso, obesidade ou que sejam portadores de diabetes. Essa diminuição de resistência à insulina, faz com que o hormônio seja menos liberado na corrente sanguínea, o que faz com que o organismo use mais gordura como fonte energética, o que consequentemente pode colaborar com o emagrecimento. Além disso, a fruta é rica em fibra e pectina, o que proporciona saciedade e reduz a vontade ingerir qualquer outro tipo de alimento. Porém aqui vai um alerta do Dr Rocha, uma dieta a base unicamente de limão pode ser perigosa. O consumo excessivo pode causar uma série de complicações e até mesmo ser tóxico para o organismo.

2. Aumento da Imunidade: Os limões são uma excelente fonte de vitamina C. Consumir um limão por dia pode eliminar quase um terço das necessidades diárias de vitamina C. Obter quantidade suficiente de vitamina C através da alimentação é importante para muitos aspectos da saúde, entre eles a imunidade. Além de rico da vitamina C, o limão contém altas doses de potássio que estimula células cerebrais e nervosas. O ácido ascórbico presente no interior do fruto ainda possui efeitos anti-inflamatórios benéfico para todo o organismo, alie isso a potencialização da absorção de ferro e temos como resultado um fortalecimento total do sistema imunológico, por isso é comum, quem ingere limão ter poucos episódios de gripes, resfriados e demais doenças.

3. Melhora absorção de ferro: Casos de anemia por deficiência de ferro é bastante comum e ocorre geralmente pela ingestão insuficiente de ferro através da alimentação. A vitamina C e o ácido cítrico presente no fruto potencializa a absorção de ferro de alimentos ingeridos posteriormente à sua ingestão, sendo de suma importância na prevenção e tratamento da anemia ferropriva.

4. É bom para a saúde do coração: As complicações cardíacas são um problema de saúde de ordem mundial. Estudos recentes mostram que comer frutas como o limão e hortaliças pode ajudar a reduzir os fatores de risco de doença cardíaca. Os compostos presentes na fruta, agem diretamente nos neurotransmissores funcionando como antidepressivo natural, o que reduz a ansiedade e melhora o humor.

5. Reduz Risco de Desenvolvimento de Câncer: Assim como as demais frutas cítricas, o limão contém altos níveis de flavonas, que são compostos antioxidantes. Esses compostos, agem exatamente como protetores que dificultam a errônea multiplicação de células o que diminui drasticamente as chances de desenvolvimento de alguns tipos de cânceres.

6. Ajuda na Digestão: O sumo presente no limão auxilia o organismo a eliminar toxinas e sua composição é semelhante à da saliva e outros fluídos digestivos, tais como enzimas. O fruto estimula o fígado a produzir bile, um ácido essencial para a digestão. Além disso, a vitamina C presente no fruto potencializa a absorção de ferro de alimentos ingeridos posteriormente à sua ingestão, sendo de suma importância na prevenção e tratamento da anemia ferropriva.

Comments

comments

Clique para Ler

Advertisement

Facebook




Mais Acessados