Connect with us

Destaque

Três razões para seu atraso no crescimento

Published

on

Ficar grande não é fácil. Não importa quantos anúncios você pode ter visto nas empresas de suplementos mostrando que seus usuários ganharam até 10 kg de massa magra em seis semanas, a verdade é que na vida real o ganho de massa é muito mais lento.

No entanto, o ponto mais importante é que o ganho de massa é possível, e que exige muita dedicação e trabalho duro. Mas se você não fez qualquer progresso por seis meses ou ainda pior por um ano ou algo assim? Se este for o seu caso, então você precisa rever seus treinos e dieta.

Pode haver muitas razões para o seu fracasso. Lembre-se que o descanso e recuperação são fatores que devem ser considerados quando você for rever o que está acontecendo. Mais freqüentemente os iniciantes descuidam quando se trata de recuperação, pensando que este não é um fator a ser analisado. Lembre-se que seus músculos crescem fora do ginásio. Portanto não levando isto a sério a recuperação torna-se um assassino em massa. Tente dormir de 7 a 9 horas cada noite, e se praticar outros esportes tenha controle sobre eles, se o seu principal objetivo é ficar grande.

Além do descanso e recuperação há três fatores muito comuns que muitas vezes são negligenciados. Agora, para ser honesto com você, vou admitir que estes fatores não são segredos escondidos e que você nunca pensou sobre eles. Talvez sejam fatores que você sabia desde o primeiro dia, mas talvez não deu muita importância. Aqui estão eles:

1 – Não comer o suficiente: Estou ciente que hoje em dia as dietas que exigem jejum estão se tornando muito popular. Mas “hey”, se eles trabalham para perda de gordura ou não, o fato é que você não está tentando perder gordura! Seu objetivo é ganhar tamanho e para isso você deve comer como gente grande. E se você quer realmente ganhar tamanho, então você vai fazer o melhor e não planejar um programa que visa a máxima perda de gordura e ao mesmo tempo ganhar massa muscular máxima.

Não, você não tem que comer 10 refeições por dia e um total de 600g proteínas, mas o suprimento constante de nutrientes é uma obrigação para ajudar o seu corpo a crescer. Pensar em comer de 5 a 7 refeições por dia é um bom caminho a percorrer, dependendo da sua programação diária. Nestas 5 a 7 refeições tente ingerir em torno de 2500 calorias ou mais dependendo das suas necessidades. Se você não fizer bons progressos então adicione mais algumas calorias.

Você também precisa aprender a equilibrar os nutrientes. Ter muitos nutrientes e evitar completamente um outro grupo de alimentos não é o melhor caminho a se percorrer quando se quer adicionar massa muscular. Isso significa que você não deve ignorar os carboidratos ou gorduras em busca de uma maior ingestão de proteínas.

2 – Tentar executar programas avançados ou complicados: Imagine um cara treinando duramente 3 meses com 100 kg para 3 séries de 5 repetições e um treino de supino. Após a sessão ele sente que tem um ponto fraco em seu peitoral que ele deve eliminar. Para fazê-lo ele começa perguntando se é a posição mais baixa ou a pegada que está sendo seu fator limitante. Ele então tenta métodos diferentes que leu em revistas, sites etc. Agora o que você acha que deu errado?

Aqui está o verdadeiro negócio; o cara é muito fraco em todos os lugares. Para obter melhoras, você deve trabalhar todos os pontos fracos e não só os que lhe agradam. Por exemplo seus ombros provavelmente também são fracos sendo que é deles que vem uma grande parte para obter força no músculo do peito. Para corrigir é simples, basta ter paciência e trabalhar duro, que você terá um longo caminho antes de sair testando todos os métodos mais complicados que existem.

3 – Muita variedade e muito pouca progressão: Pesquise na internet e você vai encontrar milhões de programas para ganhos de massa muscular. Alguns deles são bons, enquanto outros são simplesmente lixo! Infelizmente, a disponibilidade de tantos programas faz com que muitos iniciantes mudem seus programas de treino com freqüência e sem obter progressos.

Em um dia você começa com elevação lateral para os ombros e no outro dia está fazendo elevação unilateral enquanto ainda levanta os mesmos 5 kg. Claro, os dois exercícios exigem uma quantidade de diferentes esforços, mas nada é comparado a você estar levantando 5 kg e saltar para 20 kg no mesmo exercício. O que você acha que realmente vai chocar seus músculos?

Portanto, você tem três razões que não são segredos algum e que nem foi roubada de um laboratório secreto mais avançado. É contudo que estes três fatores podem estar sendo negligenciados por você. Agora pare pense no seu treino e trabalhe duro para eliminar os erros e prepare-se para crescer.

 

Autor: Arnav Sarkar
Tradução, Edição: Jaderson Rafael
Fonte: http://www.muscleandstrength.com /http://www.estiloculturismo.com.br/

Comments

comments

1 Comment

1 Comment

  1. getting rid of fat cheeks

    23 de julho de 2012 at 18:32

    Thanks for sharing your thoughts. I really appreciate your
    efforts and I will be waiting for your further
    write ups thank you once again.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Academia

Os 3 erros que as mulheres mais cometem na academia

Published

on

By

Alguns mitos precisam ser desconstru

Fazer a inscrição na academia não é garantia de que os seus problemas serão resolvidos. Seja para quem se inscreve pela primeira vez ou para quem já frequenta o ambiente, as mulheres são propensas a cometer três erros muito comuns, mesmo quando o objetivo traçado é pura e simplesmente dizer ‘adeus’ aos quilos a mais.

Como destaca o Deporte y Vida do jornal espanhol As, um dos erros mais comuns cometidos pelas mulheres que se aventuram no mundo da academia é não levantar pesos. A ideia de que a musculação deixa a mulher com traços mais ‘masculinos’ é um dos maiores mitos do mundo fitness e o principal motivo para as mulheres fugirem das barras de ferro, contudo, o levantamento de peso é uma das formas mais eficazes de perder massa gorda e, ao mesmo tempo, construir massa magra, conseguindo, com isso, um corpo mais tonificado e saudável.

E se, por um lado, as mulheres escapam do treino de força, por outro, usam e abusam do treino cardiovascular, acabando por perder peso de forma extrema e sem qualquer construção de massa muscular, o que pode aumentar o risco de lesões articulares e ósseas.

Por fim, destaca a publicação, um outro erro comum é a obsessão por abdominais, um exercício antiquado cuja eficácia foi já destruída com dados científicos. Como diz o Deporte y Vida, para conseguir um abdômen trincado, não são 20 abdominais que fazem a diferença, mas sim 300, porém, fazer prancha horizontal e lateral pode ser bem mais eficaz.

Comments

comments

Clique para Ler

Destaque

5 coisas que você jamais deve dizer para quem está tentando perder peso

Published

on

By

É comum que as pessoas de dieta não gostem quando outras pessoas notem a perda de peso

Quando alguém está no processo de perda de peso, é comum sentir uma certa ansiedade para ver resultados em pouco tempo. Nestes casos, as pessoas ao redor precisam seguir um certo código de etiqueta, para não frustrar ou desestimular quem está tentando emagrecer, nem minar suas chances de sucesso.

Segundo o site My Fitness Pal, é comum que as pessoas de dieta não gostem quando outras pessoas notem a perda de peso, muito menos sejam cumprimentadas, elogiadas nem receber atenção – por incrível que pareça. Isso porque, quem está perdendo peso, quer tirar o foco da dieta, pelo menos um pouco. Claro que há pessoas que gostam de receber palabras de encorajamento, mas este comportamento é menos comum. Confira cinco frases que você jamais deve dizer a quem está tentando emagrecer, por serem deselegantes ou, no mínimo, inadequadas.

1. “Quantos quilos mais você quer perder?”

2. “Você provavelmente não quer comer isso, né?”

3. “Você está tão melhor do que antes!”

4. “Você vai ganhar o peso de novo de qualquer maneira”. 5. “Você está tão bem!”

Comments

comments

Clique para Ler

Alimentação e Nutrição

Vai encarar? A nova tendência fit é ovo cru no café

Published

on

By

Especialistas não recomendam a prática

Para os amantes do mundo fitness, pode ser um hábito comer ovos crus batidos e beber café antes do treino, mas será que já pensaram em combinar os dois? Esta parece ser a nova técnica do fitness, adotada por maratonistas e por quem quer juntar a potência dos dois ingredientes numa só bebida para ter mais energia para treinar.

Na verdade a técnica é bastante antiga, pois há séculos húngaros, escandinavos e vietnamitas juntam ovo cru ao café para obter uma bebida potente e cremosa, segundo a revista Runner’s World.

Os estudos já comprovaram que beber café antes do treino pode contribuir para melhorar o desempenho, devido ao efeito estimulante da cafeína. Quanto aos ovos, a proteína e a gordura ajudam os músculos a se recuperar.

Portanto, apesar de várias pessoas do mundo fitness estarem aderindo à tendência de aliar ovo cru e café, esta pode não ser a forma mais benéfica de consumir estes ingredientes. Isto porque o café deve ser consumido antes do treino, para melhorar a performance, e os ovos devem ser consumidos depois, para ajudar os músculos a se recuperar do treino.

Comments

comments

Clique para Ler

Advertisement

Facebook




Mais Acessados