Connect with us

Alimentação e Nutrição

As verdades sobre o café da manhã

Published

on

Pessoas que são ignorantes ou mal intencionados ou segurar a dieta e indústria da saúde, e mesmo o governo refém das agências. Se eu tivesse uma visão extremamente positiva da humanidade, eu assumir o melhor e ir com ignorantes, mas eu não.

Eles usam a lógica ligeiro de mão-de observação em troca de prova. Dez homens em um bar tudo pode observar a senhora na esquina com melhorias de silicone, batom vermelho, meia arrastão e salto alto, mas menos que um deles testa a hipótese de que ela é uma mulher, nenhum deles nunca vai descobrir que ele é um travesti . Observando algo não o torna verdadeiro, e às vezes, dependendo da profundidade de uma explora, ninguém quer admitir a realidade – pode ser um pouco constrangedor.

Observação cria um lugar para toda a investigação científica para começar. De Platão a Einstein, a ciência tem chegado observação começou a descer alguns caminhos extraordinários – iniciada. Uma vez na pista, os cientistas inventar explicações (etapa 2) e testar essas explicações para a validade (passo 3). Eles estão certo ou errado e proceder, se necessário. No mundo da saúde e fitness, o processo muitas vezes pára em observação. Este é o lugar onde nos encontramos com uma miríade de formação e protocolos de comer, mas eu quero enfrentar um que está enraizada mais do que qualquer pequeno-almoço, outros.

A Idéia

Pequeno-almoço é a refeição mais importante do dia e faz as pessoas saudáveis, magros e inteligentes.

A Lógica

Todos os argumentos metabólica lado, os cientistas têm testemunhado que saudável, pessoas inteligentes tomam café da manhã, portanto, pequeno-almoço deve ser a chave. (Claro, a partir daqui, há debates infindáveis ??sobre o porquê é tão importante: o corpo está morrendo de fome toda a noite e as necessidades alimentares a funcionar, se você comer um monte de comida na parte da manhã ele faíscas metabolismo e você queimar todo o alimento e um pouco de gordura, uma vez que o cérebro precisa de carboidratos para funcionar, fornecendo o corpo com um pequeno-almoço com pouca gordura fica a mente trabalhando com o máximo desempenho, etc)

A Realidade

A única conclusão razoável a sustentação fatos é que o pequeno almoço é péssimo.

Não é nenhum segredo que eu não sou fã de café da manhã. Ao trabalhar com um cliente novo em um esporte físico ou a força ou a pessoa média tentando perder alguns quilos, mais das vezes, a primeira coisa que eu digo é “parar de comer o pequeno almoço.” Brian Carroll ama a desculpa para saltar o pequeno almoço como fazer um grande número de pessoas com quem trabalho. Como eu pensava, eles acreditam que o pequeno almoço é fundamental para o desempenho físico e mental e eles obrigam-se a comê-lo se querem ou não.

Aqui vai uma breve sinopse de-hormonal acontecimentos em torno 07:00 para a pessoa média. Os níveis de cortisol elevam naturalmente durante a noite 09/01 e pico 2, 9-14. Uh oh, o cortisol é catabólico e sem alimento, o corpo vai começar a comer todos os músculos que suado, certo? Errado. Catabolic só descreve o processo de algo que está sendo discriminado por energia. O cortisol, quando agem sem níveis elevados de insulina e de uma forma natural – isso sem serem constantemente elevados, como durante o estresse crônico – desencadeia a quebra de triglicérides em-ácidos graxos livres (FFAs) para a metabolização e provoca lipólise 1, 2, 14-28. Cortisol, na parte da manhã, acelera a queima de gordura.

A grelina, o hormônio de controle da fome principal 32, é liberado de modo pulsátil durante a noite com um pico observado ao acordar 29-31, que incita a fome. A grelina não apenas faz com que a fome, mas também estimula potente hormônio liberador de crescimento 33-44. Como os níveis de hormônio de crescimento levantar o corpo libera mais gordura para ser queimada como combustível 45-49 e diminui a destruição de proteínas para uso como combustível 50. níveis de hormônio do crescimento pico cerca de duas horas depois de acordar sem café da manhã 51.

Diariamente, o corpo começa como um forno de queima de gordura. Mesmo durante o exercício, sem café da manhã, o corpo queima mais alto nível de gordura muito acima do normal 52, 53 e faz a regulação das enzimas necessárias para queimar gordura, permitindo que a gordura seja metabolizada mais rapidamente 54.

Agora contraste com o que acontece logo que o café da manhã, que contém cerca de 30 gramas ou mais de carboidratos. Como é sabido, os níveis de insulina aumentar com o aumento do açúcar no sangue, dar o pontapé inicial em uma espiral descendente: o lançamento da madrugada de insulina reduz a queima de gordura para todo o resto dos 55 dias, enquanto os níveis de cortisol permanecem elevados, a liberação de insulina novas causas vazio células de gordura a ser criado 56-64, e da insulina reduz os níveis de ghrelina e de hormônio de crescimento 29-31, 51.

Dos fatos acima não é isso que eu acho que acontece, é isso que acontece – seria de se chegar à conclusão de que talvez devêssemos prender o pequeno almoço fora para um pouco quando nos levantamos, pelo menos até o retorno para os níveis de cortisol e de hormônio de crescimento normal níveis caem naturalmente, o que leva algumas horas. Ignorando-almoço parece uma maneira de perder gordura corporal mais rápida, ou pelo menos mantê-lo fora.

Neste ponto, você pode pensar: “bem, você hobbled juntos uma série de pesquisas para explicar sua teoria, mas onde estão os resultados?” Eu não sou tão obtusos a ponto de pensar que um entendimento completo de qualquer coisa significa previsão é possível … um famoso matemático mostrou que você pode saber tudo sobre como funciona um sistema não e ainda prever como a coisa pode agir. Felizmente para mim e para meus estudos hobbled juntos, os pesquisadores fizeram o teste a idéia de que talvez o pequeno almoço não é tão grande.

Se o que eu assumo a partir dos fatos é verdadeira, então pular refeições e comer mais alimentos no fim do dia, em vez de o início deve conduzir a uma maior perda de gordura quando tentando perder peso, especialmente se tomar café da manhã prejudica a queima de gordura durante todo o dia .

Então o que aconteceu quando os pesquisadores estudaram dois grupos, um que comeram a maior parte de suas calorias no início do dia, para simular a rotina de não-comer-após-sete, e os outros que o desjejum e comeram a maior parte de suas refeições no último metade do dia? Porra, se eu não deveria estar envergonhado: o grupo que comeu mais de suas calorias no início do dia, incluindo um grande café da manhã, perderam mais peso do que o outro grupo 65.

Segure-se: não há mais a esta história. Os pesquisadores também analisaram a composição corporal antes e depois. O grupo da manhã perderam mais peso, mas perdeu um músculo muito mais e muito menos gordura. O grupo perdeu a noite quase que exclusivamente de gordura e músculo preservada 65-69. Quem sabe, talvez haja alguma coisa a este material da ciência, afinal?

Não importa o que eu digo sobre a perda de gordura, alguém vai dizer que pular o café da manhã transforma as pessoas em preguiça mental. Será que realmente? Você acha? Eu discordo e quando eu faço em um fórum público, alguém sempre diz – o que eu realmente não acredito – “Bem, eu testes de design para ensino fundamental e as crianças que comem o pequeno-almoço sempre fazer o melhor, tenho estudos, mas eu não ‘t têm o tempo para lhe mostrar. “Mesmo que eles têm, eles são estudos de observação. Eles não são experimentos. Faça experiências provam que o pequeno almoço melhora as capacidades cognitivas? Sim, se a pessoa está desnutrida 70-73.

E sobre as crianças saudáveis? Eu sei, isso não parece certo tirar o pão longe de crianças no período da manhã, mas alguns grupos médios de bastardos fez exatamente isso – e vários bastardos mais fez a mesma coisa. Eles retido almoço de um grupo de crianças, deixando-os comer no almoço, e outro grupo teve um pequeno-almoço equilibrado. Quando as crianças saltam o pequeno almoço que prestar atenção, se comportar, e um melhor desempenho durante todo o dia na escola inteira 72-83. Essa é a diferença entre observação e experimentação. Deve haver algum outro fator relativo pequeno-almoço comendo o desempenho académico: ambos variam da mesma forma com status sócio-econômico 84.

Eu posso imaginar os comentários dizendo agora eu ignorar a importância do pequeno-almoço, porque deste estudo observacional ou de estudo observacional ou alguma outra justificação que não tem nenhuma relevância para esta discussão. O único ponto aqui é que o pequeno almoço não é definitivamente a mais importante refeição do dia e pode ser prejudicial. Há muitas razões e maneiras de incorporar efetivamente pequeno-almoço. Carb Back-Carregando ™ é um exemplo e Nite Carb ® é outra. Ao usar qualquer uma dessas estratégias para perda de gordura, eu ainda tendem a atrasar a minha primeira refeição do dia até 11h ou meio-dia

Alguém em um fórum também referenciado um artigo afirmando que saltar o pequeno almoço prepara o corpo para obter a gordura e diminui a queima de gordura, que é o oposto da verdade, mas o artigo continua a dizer que tudo isso pode ser evitado pela adição de alguns ramificado aminoácidos de cadeia no lugar de pequeno-almoço e sugere isoleucina, leucina, valina e isoleucina. Esta é provavelmente uma má idéia, como a leucina estimula a liberação de insulina, sem a presença de glicose 85-86 e pode causar as mesmas reações que um pequeno-almoço carby.

No que diz respeito a força está em causa, há pouco efeito, enquanto os estoques de glicogênio permanecem adequadas 87-88, portanto, a aplicação de Back-Carregando ™ Carb à força, poder e atletas físico.

Comer o pequeno almoço prejudica a queima de gordura, pode ajudar no armazenamento de gordura, reduz os níveis de hormônio do crescimento e não oferecem benefícios cognitivos. O que mais posso dizer? Parar de comer o pequeno-almoço. Você vai me agradecer pela manhã.

Fonte: highpump.com.br

Comments

comments

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Alimentação e Nutrição

Proteína de ervilha, glutationa… conheça novos produtos fitness

Published

on

By

Estudos recentes indicam uma nova geração de ingredientes funcionais que podem ajudar a reduzir gordura e aumentar a massa muscular

Mesmo para quem já faz musculação e tem uma dieta regrada, os suplementos e alimentação funcional podem ajudar. Mas é hora de abrir a cabeça e ir além do whey protein. Segundo o pesquisador em Cosmetologia Lucas Portilho, farmacêutico e diretor científico da Consulfarma, novos estudos têm identificado proteínas e antioxidantes que podem ajudar a reduzir gordura e promover aumento da massa muscular. “A proteína vegetal da ervilha, por exemplo, é uma alternativa eficaz ao whey protein, não conta com lactose e ainda tem outras vitaminas e minerais naturalmente”, explica o especialista. Ele destaca as novas substâncias que ajudam a emagrecer e turbinar os músculos:

Proteína da ervilha — Eficaz no aumento da espessura muscular, a proteína da ervilha foi avaliada em estudo comparativo com whey protein e placebo. “Após 12 semanas com programa de treinamento de resistência, os efeitos da proteína da ervilha, no que se refere ao aumento da espessura e força muscular, foram iguais aos do whey protein e muito maiores com relação ao grupo placebo”, conta Lucas. Os testes foram realizados nos músculos bíceps. A espessura muscular foi avaliada por ultrassonografia e a força foi medida em um dinamômetro isocinético. “Os pesquisadores concluíram que em adição a um treinamento apropriado, a suplementação com proteína de ervilha é eficaz no aumento da massa muscular, especialmente para pessoas que iniciam ou regressam a um fortalecimento. Uma vez que não se obteve qualquer diferença entre os dois grupos de proteínas, a proteína de ervilha vegetal pode ser utilizada como uma alternativa aos produtos dietéticos à base de soro de leite”, afirma.

Suplementta — Novo método que combina três poderosos ingredientes para ação anti-idade facial e antiqueda capilar também tem efeitos no aumento do tônus muscular. “A associação dos peptídeos bioativos Bodybalance e Verisol é benéfica para quem pratica exercícios físicos, pois enquanto o primeiro aumenta a massa magra e diminui a gordura fornecendo aminoácidos adequados, o segundo restaura o metabolismo celular e aumenta a elasticidade da pele, com resultado também contra a celulite”, explica. Ambos os colágenos que melhoram a pele e músculo podem ser ingeridos juntos diluídos em bebidas, uma vez ao dia.

Glutationa — De acordo com Lucas, essa molécula antioxidante é um importante coadjuvante para os treinos, pois aumenta o desempenho e reduz a fadiga muscular. De acordo com estudos recentes, a suplementação de glutationa por 2 semanas reduz a fadiga física induzida por exercícios físicos e diminui os níveis plasmáticos de lactato. “O lactato e a acidose metabólica contribuem para a fadiga muscular. Então, o nutracêutico com glutationa também estimula o metabolismo aeróbico e evita a acidificação do ambiente muscular”, explica.

Comments

comments

Clique para Ler

Alimentação e Nutrição

Vai encarar? A nova tendência fit é ovo cru no café

Published

on

By

Especialistas não recomendam a prática

Para os amantes do mundo fitness, pode ser um hábito comer ovos crus batidos e beber café antes do treino, mas será que já pensaram em combinar os dois? Esta parece ser a nova técnica do fitness, adotada por maratonistas e por quem quer juntar a potência dos dois ingredientes numa só bebida para ter mais energia para treinar.

Na verdade a técnica é bastante antiga, pois há séculos húngaros, escandinavos e vietnamitas juntam ovo cru ao café para obter uma bebida potente e cremosa, segundo a revista Runner’s World.

Os estudos já comprovaram que beber café antes do treino pode contribuir para melhorar o desempenho, devido ao efeito estimulante da cafeína. Quanto aos ovos, a proteína e a gordura ajudam os músculos a se recuperar.

Portanto, apesar de várias pessoas do mundo fitness estarem aderindo à tendência de aliar ovo cru e café, esta pode não ser a forma mais benéfica de consumir estes ingredientes. Isto porque o café deve ser consumido antes do treino, para melhorar a performance, e os ovos devem ser consumidos depois, para ajudar os músculos a se recuperar do treino.

Comments

comments

Clique para Ler

Alimentação e Nutrição

Afinal, beber água morna com limão em jejum faz bem para a saúde?

Published

on

By

Especialista destaca quais são os benefícios de incluir o limão na alimentação diariamente

Épossível adotar uma alimentação nutritiva e balanceada sem gastar fortunas no supermercado toda semana. Entre os alimentos mais ricos em nutrientes e disponível em abundância está o limão, que possui um poderoso conjunto de benefícios para a saúde.

Rico em vitamina C e antioxidantes, o limão ajuda na perda de peso, aumento da imunidade, ajuda na absorção de ferro, atua na prevenção de cálculos renais, melhora a saúde do coração e até mesmo pode ser um importante aliado no combate ao desenvolvimento de câncer.

“O limão é uma das frutas mais ricas em vitaminas e minerais, além disso, tem potentes antioxidantes que favorecem o bom funcionamento do organismo. Outro ponto muito importante é que é uma fruta acessível e fácil de encontrar, portanto, é bastante fácil inclui-la na alimentação”, explica Dr Rocha, médico pesquisador na área de nutrição e Presidente do Instituto Nacional de Estudos da Obesidade e Doenças Crônicas (INEODOC), autor do livro “Diabetes Controlada: o programa para controlar a diabetes e voltar a viver bem”.

Para o médico, entre as melhores maneiras de consumo está a ingestão de água com limão em jejum, diariamente. Segundo ele, essa maneira de consumo potencializa a absorção de vitamina C e demais compostos da fruta pelo organismo. Outra maneira de colher os benefícios da fruta, segundo Rocha, é utilizá-la como tempero em saladas, ou até mesmo em acompanhamentos de carnes, uma vez que sua presença potencializa a absorção de ferro pelo organismo.

Confira aqui os benefícios mais incríveis que o consumo diário de limão pode trazer para a sua saúde:

  1. Colabora com a perda de peso: O limão realmente pode ajudar no emagrecimento. Rica em minerais e antioxidantes, a fruta possui em sua composição os chamados polifenóis, um tipo de substância que é capaz de diminuir a resistência à insulina de pessoas eutroficas, ou que estejam em sobrepeso, obesidade ou que sejam portadores de diabetes. Essa diminuição de resistência à insulina, faz com que o hormônio seja menos liberado na corrente sanguínea, o que faz com que o organismo use mais gordura como fonte energética, o que consequentemente pode colaborar com o emagrecimento. Além disso, a fruta é rica em fibra e pectina, o que proporciona saciedade e reduz a vontade ingerir qualquer outro tipo de alimento. Porém aqui vai um alerta do Dr Rocha, uma dieta a base unicamente de limão pode ser perigosa. O consumo excessivo pode causar uma série de complicações e até mesmo ser tóxico para o organismo.

2. Aumento da Imunidade: Os limões são uma excelente fonte de vitamina C. Consumir um limão por dia pode eliminar quase um terço das necessidades diárias de vitamina C. Obter quantidade suficiente de vitamina C através da alimentação é importante para muitos aspectos da saúde, entre eles a imunidade. Além de rico da vitamina C, o limão contém altas doses de potássio que estimula células cerebrais e nervosas. O ácido ascórbico presente no interior do fruto ainda possui efeitos anti-inflamatórios benéfico para todo o organismo, alie isso a potencialização da absorção de ferro e temos como resultado um fortalecimento total do sistema imunológico, por isso é comum, quem ingere limão ter poucos episódios de gripes, resfriados e demais doenças.

3. Melhora absorção de ferro: Casos de anemia por deficiência de ferro é bastante comum e ocorre geralmente pela ingestão insuficiente de ferro através da alimentação. A vitamina C e o ácido cítrico presente no fruto potencializa a absorção de ferro de alimentos ingeridos posteriormente à sua ingestão, sendo de suma importância na prevenção e tratamento da anemia ferropriva.

4. É bom para a saúde do coração: As complicações cardíacas são um problema de saúde de ordem mundial. Estudos recentes mostram que comer frutas como o limão e hortaliças pode ajudar a reduzir os fatores de risco de doença cardíaca. Os compostos presentes na fruta, agem diretamente nos neurotransmissores funcionando como antidepressivo natural, o que reduz a ansiedade e melhora o humor.

5. Reduz Risco de Desenvolvimento de Câncer: Assim como as demais frutas cítricas, o limão contém altos níveis de flavonas, que são compostos antioxidantes. Esses compostos, agem exatamente como protetores que dificultam a errônea multiplicação de células o que diminui drasticamente as chances de desenvolvimento de alguns tipos de cânceres.

6. Ajuda na Digestão: O sumo presente no limão auxilia o organismo a eliminar toxinas e sua composição é semelhante à da saliva e outros fluídos digestivos, tais como enzimas. O fruto estimula o fígado a produzir bile, um ácido essencial para a digestão. Além disso, a vitamina C presente no fruto potencializa a absorção de ferro de alimentos ingeridos posteriormente à sua ingestão, sendo de suma importância na prevenção e tratamento da anemia ferropriva.

Comments

comments

Clique para Ler

Advertisement

Facebook


Mais Acessados