Connect with us

Destaque

Confira dicas para fugir do efeito sanfona e ficar magro

Published

on

Após emagrecer é preciso entrar em um processo de controle físico e emocional. Veja dicas para esquecer os padrões comportamentais anteriores e não engordar mais

Quem já fez dieta e conseguiu emagrecer muitos quilos sabe como é fácil ganhar o peso perdido depois de alguns meses. Eliminar o efeito sanfona não é uma tarefa simples, mas especialistas garantem que é possível manter o corpo conquistado. Manter o peso requer cuidados especiais e alguns sacrifícios. É um erro acreditar, por exemplo, que a pessoa pode voltar a comer como antes, sem restrições.

Quem volta aos hábitos alimentares desregrados está fadado ao fracasso. A alimentação exige monitoração. Não adianta nada comemorar o resultado e prometer nunca mais voltar ao peso antigo, enquanto, aos poucos, abre exceções para comer uma barra de chocolate inteira aqui e três pedaços de pizza com um copo de refrigerante ali.

Flavia Cesar, nutricionista e coach, cita uma frase de Buda para explicar a importância de não cair no efeito ioiô depois do emagrecimento: “A lei da mente é implacável. O que você pensa, você cria; o que você sente, você atrai; o que você acredita, torna-se realidade”. Por isso, para trabalhar a questão de peso é necessário trabalhar a mente gorda, fazendo um acompanhamento e monitoramento sistemáticos a respeito de mudanças de hábito. É necessário trabalhar conceitos de saúde.

Além de deixar de consumir os alimentos industrializados, pobres em nutrientes, é necessário trabalhar a motivação e a conscientização ao mesmo tempo. Flavia Cesar afirma que é seguir o conceito que se chama mindset, ou seja, mentalidade positiva. “O que indico e faço é acompanhar meus pacientes através do programa de Coaching de Saúde e Vitalidade, em que unifico a ciência da saúde e da nutrição a estratégias de autoliderança, associadas à metodologia de coaching, que tem mecanismos modernos associada à ciência.”

Para assumir o controle da balança também é preciso continuar com os exercícios físicos. O educador físico Gustavo Musa Lemes, da Academia ProFitness, afirma que a primeira dica que sugere aos alunos é óbvia: “Não existe milagre. Não adianta nada a pessoa perder peso e manter hábitos antigos. É preciso continuar com a dieta e o treino. É um processo. A minha sugestão é que não precisa ser algo tão rigoroso. Os extremos costumam falhar tanto na dieta, quanto no treino. A rigidez costuma funcionar muito bem por um período curto, entre 30 e 40 dias, no máximo”.

Lemes afirma que uma vez ou outra a pessoa está liberada para comer algo de que goste muito e fugir dos treinos, mas é preciso evitar que isso vire um hábito. Outra dica do educador físico é envolver-se com pessoas cujos hábitos são mais saudáveis. “Se seus amigos só tomam chopp e comem batata frita, você também vai consumir porque o acesso é fácil. Mas se você está com amigos que tomam suco e comem frango, a tendência é seguir a mesma dieta. Você vai ter uma praticidade a mais e uma tentação a menos”.

Além de estimular exercícios físicos adequados a cada pessoa, Lemes orienta seus alunos a controlarem a quantidade de comida e priorizarem a qualidade do que é ingerido ao longo do dia. “Quando a gente fala em redução de peso e estética, a gente fala em balanço calórico. Só se consegue emagrecer queimando-se mais calorias do que se ingere. Se você ingerir mais, é matemática pura: vai engordar. Você só vai conseguir este equilíbrio calórico controlando o que come.”

Nesse caso, o educador físico recomenda que seus alunos procurem um especialista. “Vai ser um nutricionista que vai recomendar uma dieta adequada para a rotina de cada pessoa. A dieta do vizinho, da revista e da artista famosa não vai resolver. Cada pessoa tem um hábito de vida, uma rotina, um peso e altura, e só um especialista pode receitar o melhor tipo de alimentação”.

Comments

comments

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Destaque

Americana com bumbum de 1,5m faz campanha contra obsessão por glúteos avantajados

Published

on

By

Courtney Barnes, conhecida como Ms. Miami no Instagram, onde tem mais de 830 mil seguidores, não estava satisfeita com as suas nádegas. Resolveu então turbiná-las.

Só que, sem dinheiro, Courtney apelou ao mercado ilegal. Obcecada por um bumbum novo, ela se submeteu a aplicações de substância proibida. A transformação começou quando a americana tinha 22 anos. O bumbum chegou à circunferência de 1,5 metro.

Agora, aos 35 anos, Ms. Miami resolveu posar como exemplo de excesso de vaidade e alertar outras mulheres com a mesma obsessão glútea.

Courtney, que trabalha como modelo erótica, disse que o bumbum perdeu a cor e ficou ainda mais flácido com o preenchimento. Ela ainda reclama de sofrer bullying nas redes sociais.

“OK, posso parecer uma atração de circo dos horrores por causa do meu bumbum enorme, mas quero que as pessoas vejam o meu verdadeiro eu”, disse ela em reportagem publicada no “NY Post”.

O cirurgião plástico Gonzalo Mosquera disse que Ms. Miami teve sorte de não ter tido complicações médicas em decorrência do preenchimento excessivo com substância inapropriada.

“É triste, mas é comum na região de Miami”, afirmou ele.

Comments

comments

Clique para Ler

Destaque

D-VASTER Pré Treino de outro planeta!

Published

on

By

O embasamento do uso de pré-treino é de que eles, quando utilizados antes dos exercícios físicos, principalmente os mais intensos, seja de maneira isolada ou combinados entre si, pode favorecer os adeptos de treinos.

A finalidade do uso desses suplementos depende do objetivo pelo qual serão utilizados.

A principal finalidade é melhorar o desempenho dos treinos para alcançar o objetivo final que é ganhar mais massa muscular.

Além disso, o suplemento pré-treino é responsável, também, por ofertar ao organismo substrato energético para que possam, também, manter ou até aumentar a performance durante os treinos.

Por isso, é necessária uma combinação adequada, em termos de componentes e quantidades, para que esse suplemento possa oferecer ao organismo condições de melhorar o desempenho nos treinos, através da força e da resistência muscular.

Sabe aquele pré-treino que você nem imagina que existe? pois é, D-Vaster não traz somente na embalagem que ele será punk, mais sim em sua formula.

Esse Pré Treino tem por objetivo o aumento da força, energia e disposição nos treinos mais intensos. Seus ingredientes agem aumentando o “PUMP” e dando aquele gás a mais nas últimas repetições, o que favorece e muito o Ganho de Massa Muscular e a Redução do Percentual de Gordura Corporal.

D-VASTER não é um pré-treino modinha, mas sim uma formulação desenvolvida com o que há de mais HARDCORE e Underground no mundo dos pré- treinos atualmente.

Benefícios
Aumento da força e energia
Maior capacidade cardiovascular
Aumento da vasodilatação
Aceleração do transporte de nutrientes aos músculos
Favorece o ganho de massa muscular e a perda de gordura
Acelera a recuperação muscular


Como tomar D_VASTER Corretamente?
A indicação de uso pra Atletas é de 2 medidores (scoop) somando 10 g e contém:

Agressive Pump NO2®
L-Arginine (1,2 g)
L-Alanine (1,8 g)
Citrullus lanatus
Beetroot Beta Vulgaris L.
Neurotic Thermatrix®
Caffeine anhydrous (400 mg)
N-Acetyl Cysteine NAC (250 mg)
L-Taurine (2,0 g)

Esses suplementos são encontrados na forma de pós e podem ser diluídos em líquidos como a água. Nos rótulos geralmente vem explicando a forma de preparo. Podem ser ingeridos cerca de meia hora antes dos treinos misturados com água gelada.

Quanto à quantidade/dosagem do pré-treino, também vem no rótulo, já que depende da composição de cada produto, não dá para generalizar e determinar a mesma quantidade para todos. 

E ai ? vai experimentar ou vai ser um ET?

confira na : www.powersupplements.com.br

Comments

comments

Clique para Ler

Destaque

Adeus pernas gigantes e bumbuns na nuca: Conheça a geração de musa fitness que entendem tudo de cozinha e buscam equilíbrio do corpo e alma

Published

on

By

Somos bombardeados na internet o todo momento pela obsessão de termos um corpo perfeito. Muitas das chamadas musa fitness fazem receitas mirabolante na internet, mas impressionam até mesmo com a quantidade na alimentação. Algumas delas chegam a comer cerca de 50 ovos ao dia em dietas. “Parecem super humanos, não lembra em nada a realidade de mulheres normais”.


Leticia Ferreira, 26 anos, representa uma nova categoria de musas fitness, buscando acima de tudo o equilíbrio entre o espírito e o corpo, e até mesmo da balança. “Adoro cozinhar, não deixa de comer o que eu quero, buscar receitas na internet e tentar equilibrar o peso com atividades físicas reais”.


Muitas reportagens de  algumas musas fitness tendem a supervalorizar o tempo em que ficam dentro das academias e a quantidade que comem ou deixam de comer. Letícia incentiva exercícios, além de nunca se privar de encontrar o equilíbrio entre o que se come e o prazer de fazer algum exercício. “Andar de patins, subir as escadas do seu prédio, tirar 30 minutos para fazer uma meditação ou ioga.  Primeiro você tem que encontrar o equilíbrio entre o seu corpo e seu eu, você não precisa comer 40 ovos por dia pra dizer que estar bem”, ressalta. 


Fotos: Smoke fotografia e Elena Derebera | CO Assessoria

Comments

comments

Clique para Ler
Advertisement

Facebook




Mais Acessados