Connect with us

Destaque

Treinar em jejum: sim ou não?

Published

on

A resposta é ‘não’: “As consequências não são fatais, mas esta é uma situação que enfraquece o sistema imunológico devido à falta de nutrientes”

Nos últimos anos, a prática de treinar em jejum tem se popularizado entre aqueles que fazem exercício. Muitos vêem nesta abstinência de alimento uma possibilidade de queimar gordura mais facilmente, já que os níveis de glicogênio, ou seja, os carboidratos armazenados nos músculos e no fígado, estão mais baixos, o que pode ajudar a queimar a gordura, à medida que o corpo a utiliza como fonte de energia. Contudo, não há uma base científica para esta conclusão.

Segundo especialistas da American Academy of Sports Dietitians & Nutritionists, treinar em jejum pode ser prejudicial para a saúde. Sendo recomendado apenas para casos muito específicos como para atletas de alta competição.

Não havendo gorduras presentes para alimentar as necessidades do corpo, o organismo vai acabar se alimentando dos próprios músculos, levando o atleta a experienciar quebras de tensão, resultando ainda no enfraquecimento do sistema imunológico.

De acordo com as informações que se podem ler no site da organização norte-americana, “não há garantias que o corpo use a gordura como combustível. O organismo vai simplesmente entrar em modo de sobrevivência e tentar preservar ao máximo essa gordura, ou seja, a longo prazo poderá ter o efeito inverso e dificultar a perda de peso”.

“As consequências não são fatais, mas esta é uma situação que enfraquece o sistema imunológico devido à falta de nutrientes”.

Ao fazer exercício nestas circunstâncias o atleta não conseguirá alcançar um rendimento sequer de 80% e ainda corre o risco de desmaiar.

Caso ainda esteja indeciso, o melhor é consultar um médico especialista ou um nutricionista antes de iniciar o treino.

Comments

comments

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Destaque

5 exercícios que toda mulher com mais de 40 anos deve fazer

Published

on

By

Chega um momento na vida, que os ossos vão ficando mais frágeis, a pele mais flácida e os músculos menos aparentes.

O processo é lento, mas inevitável. Se você é mulher e tem mais de 40 anos, esta matéria lhe será muito útil.

Separamos algumas dicas de exercícios que com certeza ajudarão a manter uma postura melhor, além de um corpo mais bonito e saudável.

Antes de mais nada, saiba que sua coluna deve estar sempre reta. Isso significa que você não deve levantar peso se isso comprometer a postura.

Observe se está fazendo cada técnica corretamente, a fim de não desenvolver problemas futuros. Seria legal fazer tudo na frente de um espelho ou ter uma pessoa para ajudar.

Por fim, antes de ensinarmos cada movimento, aconselhamos fugir de exercícios de alta intensidade – isso porque são péssimos para mulheres a partir dos 40 anos, pois há maior risco de traumas musculares.

Tenha em mente que o fato de que um exercício ser difícil de fazer não significa que ele seja benéfico.

Ou seja, não é porque cansa seu corpo que necessariamente ele está sendo produtivo.

Comments

comments

Clique para Ler

Destaque

“Se quer que mudemos, então para de publicar fotos assim”, Musa Fitness faz alerta sobre preocupação excessiva com estilo fitness e é criticada por seguidores

Published

on

By

Letícia Ferreira foi criticada por fazer alerta e colocar uma foto de biquíni “Se quer que não nos preocupemos com o peso, então parem de publicar fotos assim”. 

Com a ascensão das redes sociais, é comum que muitos seguidores, inclusive mulheres, comecem a se preocupar mais com a aparência e o porte físico que possui. De olho nessa tendência, a modelo Letícia Ferreira  acendeu um aleta sobre a preocupação em excesso com o estilo fitness. Em publicação realizada em suas redes sociais, ela comentou que os cuidados com o corpo não devem ser levados ao exagero. 

“A preocupação em excesso com o estilo fitness pode ser prejudicial à saúde. Vocês sabem como eu cuido do meu corpo. Não é só cuidar fisicamente, porque o resultado vem de dentro para fora e a saúde deve estar em primeiro lugar”, falou.

No mesmo post, em que usa uma foto de biquíni para chamar a atenção dos seguidores, ela continuou. “Estou com novos projetos e metas, minha nova meta é ficar com menos músculos, mais magra. Tomara que vocês gostem também do meu novo estilo de corpo que estou construindo. Como eu sempre falo, não é fácil, mas quando queremos, tudo é possível”.

Muito seguidores apoiaram o posicionamento da modelo, entretanto, comentários contrários a sua opinião encheram o seu post. “Poderia publicar uma foto mais real de você”, disse um internauta. “Seu quer que não nos preocupemos com o peso, então parem de publicar fotos assim”, disse outro, em referência a sua foto de biquíni. “Acho que parece cirurgia”, indagou um seguidor.

Veja a publicação: 

Comments

comments

Clique para Ler

Destaque

Modelo e dançarina, Giselle Bednarski tira a roupa para a edição de junho da revista Sexy: “natural de fábrica”

Published

on

By

A modelo e dançarina Giselle Bednarski, 21 anos, posou nua para a edição de junho da revista Sexy e fez um ensaio para lá de sensual. Natural do Paraná, o único procedimento estético ao qual se submeteu foi a prótese de silicone nos seios. Ela não malha, não é adepta de nenhuma dieta e garante que é tudo genética. 

“Nunca olhei para o meu corpo e senti necessidade de mudar algo, exceto os seios, que eram pequenos e eu dei uma leve turbinada. Sempre fui ‘mionzinha’ e gosto de ser assim. Não faço academia e não sigo nenhuma dieta. Sou toda fora da curva e me sinto muito bem com isso. Não sei como essas meninas aguentam ficar com fome ou comer tanta coisa sem graça. Aqui é tudo natural de fábrica e eu agradeço por ter nascido na família que nasci, temos uma boa genética”, disse ela aos risos.

A modelo diz não ter problema algum com a nudez e revela o desejo que sempre teve de estampar uma revista masculina do jeito que veio ao mundo.

“Apesar de muito nova, sempre gostei da minha liberdade, desde criança. Gosto de ser livre, de ser dona de mim, das minhas escolhas, dos meus sonhos e do meu corpo. Nunca quis ser padrão para ninguém. O meu fascínio pelo nu das revistas me acompanha desde a adolescência, quando eu passava por alguma banca de jornal e ficava admirando mulheres de todos os tipos nas capas das revistas masculinas. Quando fiz 18 anos coloquei na cabeça que um dia eu faria o meu ensaio nu para que outras mulheres me admirassem também. A mulher não se mostra para o homem, é para a outra mulher”, revelou a loira.

Fotos: Nelson Miranda

Comments

comments

Clique para Ler
Advertisement

Facebook




Mais Acessados